Bacia amazonica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4306 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ
DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE CONSTRUÇÃO CIVIL
CURSO TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES














BACIA HIDROGRÁFICA AMAZÔNICA















CURITIBA
2013
MICHEL FERNANDO MADEIRA
PAULO MARCOS DOS SANTOS LINO
ROSANE BROSTT













BACIA HIDROGRÁFICA AMAZÔNICA

Trabalhoapresentado à cadeira de Geografia 2 como requisito parcial à obtenção da nota final do 1º semestre de 2013.
Prof. Claudia Deina











CURITIBA
2013
SUMÁRIO





INTRODUÇÃO 4
2 BACIAS HIDROGRÁFICAS 5
2.1 ELEMENTOS COMPONENTES DAS BACIAS HIDROGRÁFICAS 5
2.2 CLASSIFICAÇÃO DAS BACIAS HIDROGRÁFICAS 6
3 BACIA AMAZÔNICA 7
3.1 HISTÓRICO 73.2 FORMAÇÃO 8
3.3 CARACTERÍSTICAS 9
3.3.1 Principais Rios 11
3.3.2 Fenômeno da pororoca 13
3.4 FAUNA E FLORA 13
3.5 POTENCIAL HIDRÁULICO 15
3.6 POTENCIAL NAVEGACIONAL 15
3.6.1 Principais Rios Navegáveis 16
4 DEGRADAÇÃO DA BACIA AMAZÔNICA 18
4.1 SOLUÇÕES 20
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 21


INTRODUÇÃO


A Bacia Amazônica abrange uma área de drenagem da ordem de 6.112 .000 Km²,ocupando cerca de 42 % da superfície do território nacional. A maior rede hidrográfica mundial é a da Bacia Amazônica, com área de drenagem da ordem de 6 x 106 km² prolongando-se dos Andes até o Oceano Atlântico. Ocupa cerca de 42% da superfície brasileira, estendendo-se além da fronteira da Venezuela à Bolívia.
Seu principal curso de água é o rio Amazonas, que com extensão de 6.570 km, nasce emterritório peruano, no riacho Lauricocha, originário da lagoa do Ninõ, nas geleiras da cordilheira de Santa Anna, cerca de 5.000m acima do nível do mar. O percurso inicial, da ordem de 45 Km, é realizado em quedas, no sentido norte, formando as lagoas Santa Anna, Cablocacha, Nieveurco, Tinquincocha, Yanacocha e Patarcocha. Após escoar no Lago Lauricocha, toma a denominação de Marañon, ainda noAndes, onde recebe pequenas contribuições, e após atravessar o Pongo de Manseriché, segue aproximadamente a direção leste até a foz, no Atlântico. Entra no Brasil na confluência com o rio Javari, somente a partir da confluência com o rio Javari, próximo a Tabatinga, sendo, então, chamado de Solimões e, somente a partir da confluência com o rio Negro, passa a ser denominado de Amazonas. Próximo aManaus, bifurca-se com o Paraná do Careiro, estimando-se aí uma largura da ordem de 1.500m e profundidade em torno de 35 m. Entre a confluência do rio Negro e a região das ilhas, próximo a desembocadura, é conhecido por Baixo Amazonas.
Em virtude de sua posição geográfica, praticamente paralela ao Equador, o regime do Amazonas é influenciado pelos dois máximos de pluviosidade dos equinócios, sendo,por isso conhecido como regime fluvial de duas cheias.
A bacia Amazônica está sujeita ao regime de interferência, portanto tem contribuintes dos hemisférios Norte e Sul, coincidindo a cheia de um hemisfério com a vazante do outro.

2 BACIAS HIDROGRÁFICAS


“Uma bacia hidrográfica ou bacia de drenagem de um curso de água é o conjunto de terras que fazem a drenagem da água dasprecipitações para esse curso de água e seus afluentes, essas bacias são alimentadas pelas águas das chuvas, lençóis subterrâneos, etc.” (RAYNOR, 1997)
Para citar os maiores exemplos na história do homem que sempre esteve ligada às bacias hidrográficas: a bacia do Rio Nilo foi o berço da civilização egípcia; os mesopotâmicos se abrigaram no valo dos Rios Tigre e Eufrates; os hebreus, na bacia do RioJordão; os chineses se desenvolveram as margens dos rios Yang – Tse e Huang Ho; os hindus, na planície dos Rios Indo e Ganges.
Segundo o IBGE, até o ano de 2000 as bacias hidrográficas do Brasil eram:

[pic]


1 2.1 ELEMENTOS COMPONENTES DAS BACIAS HIDROGRÁFICAS


• Divisores de água: cristas das elevações que separam a drenagem de uma e outra bacia.
• Fundos de vale: áreas...
tracking img