Auto imagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 25 (6161 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CONCEITO

A auto-imagem pode ser definida como a visão que temos de nós mesmos, o nosso retrato mental baseado em experiências passadas, vivências e estímulos presentes e expectativas futuras. Pode ser definida como a imagem ou figura que formamos do tamanho do nosso corpo em nosso psiquismo e nossas sensações, sentimentos e ações em relação ao tamanho e forma de nosso corpo e das suas partesconstituintes. Seria uma imagem tridimensional que cada um tem de si próprio. Também é a forma como acreditamos que os outros nos vêem. A imagem que temos de nós mesmos é fundamental para definir como nos direcionaremos na vida. Mas, de modo geral, nossa auto-imagem é formada pelo mundo exterior, ou seja, passamos a definir quem somos a partir da impressão que as outras pessoas nos transmitem, oudos ideais que a sociedade nos impõe. A imagem é um fenômeno social, pois há um intercâmbio contínuo entre nossa própria imagem e a imagem corporal dos outros. A auto-imagem governa nossos atos, sofrendo a influência de outros fatores. O primeiro é a hereditariedade, que garante, a cada ser, uma individualidade na estrutura física, na aparência e nas ações. Outro fator é a educação, que são asregras sociais que nos fazem semelhantes.
A imagem corporal pode ser constituída três componentes, perceptiva, que se relaciona com a precisão da percepção da própria aparência física, envolvendo uma estimativa do tamanho corporal e do peso; subjetiva, que envolve aspectos como satisfação, com a aparência, o nível de preocupação e ansiedade a ela associada e comportamental, que focaliza as situaçõesevitadas pelo individuo por experimentar desconforto associado à aparência corporal.
Em nossa sociedade, onde vivemos a cultura da aparência, a beleza adquire conotação de aceitação de não rejeição. Não ser bela equivale a ser rejeitada. A busca da beleza é também busca de aceitação. Diversos autores preocuparam-se com o estudo da auto-imagem. Adler, discípulo de Freud, considera que ossentimentos de inferioridade decorrem da visão que a criança tem em relação à fragilidade e inadequação de seu corpo, e que essa seria a maior causa de sua insatisfação futura. Crianças atraentes são mais valorizadas, mais requisitadas. A criança se esforça para ser aprovada e para obter a habilidade que considera mais. A beleza é uma delas e a mais valorizada, inclusive como critério de inclusão.Quando pergunta se é bonita está solicitando a aprovação do adulto. Quando não obtém êxito na construção de uma auto-imagem pode generalizar essa inadequação para outras áreas de sua vida. A avaliação que fizer de si, suas crenças a respeito, determinarão seu comportamento.
A aquisição da auto-imagem se dá por aprendizagem. Ao interagir com as pessoas que lhe são importantes a criança recebe retornoverbal e não verbal que reforça suas particularidades. A avaliação que faz de si surge a partir da avaliação que os outros fazem dela.
A auto-imagem é adequada quando, segundo consenso, existe adequação ou coerência entre o observado objetivamente e a visão que a pessoa tem dele, isto é, do grau de realidade de sua auto-percepção. A pessoa reconhece pontos positivos e negativos. Estabelece umadiferença entre o que é característica de sua individualidade e o que é conceituado culturalmente. É inadequado quando há supervalorização de um dos extremos, positivo ou negativo, negação de características individuais, com autêntica “miopia” na auto avaliação.
Se a auto-imagem é adequada, permite que a pessoa possa se beneficiar sempre de uma abordagem estética. Da mesma forma que uma imagemruim, pode prejudicar a auto-imagem, uma auto-imagem precária pode destruir os efeitos da estética sobre a imagem.
Embora teoricamente todos possam beneficiar-se da melhora estética, na prática existem casos de pessoas que não usufruem dos resultados. Permanecem insatisfeitos mesmo diante de intervenções estético-cirúrgicos tecnicamente perfeitos, demonstrando que a intervenção estética, por si só,...
tracking img