Aula de piano para iniciantes: vivenciando um mundo além da grafia musical

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2349 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Aula de piano para iniciantes: vivenciando um mundo além da grafia musical
RESUMO
O trabalho apresentado teve como objetivos observar o desenvolvimento musical de crianças iniciantes, onde a prioridade foi o executar antes da teoria, conscientizando educadores musicais a respeito de como é importante proporcionar ao aluno de instrumento maneiras de vivenciar, criar e apreciar a músicaanteriormente à leitura rígida e técnica à partitura, também a construir planejamentos de aula bem estruturados e com fluxo contínuo de aprendizado, trabalhando o lado lúdico da criança, experimentando antes de se aplicar a teoria. Esta experimentação realizada a partir de aulas de piano em grupo foi feita em formato de pesquisa-ação, sendo os alunos iniciantes o objeto de estudo e as análises foram feitasatravés de observações de aulas com crianças iniciantes de faixa etária entre 10 a 13 anos. Esta pesquisa foi realizada no ambiente universitário dentro do projeto "Educação Musical, Escola e Comunidade", num plano de aulas durante o período pré-estabelecido para observações de seis meses com aulas semanais de duas horas por semana, realizado por alunos de estágio do 3° ano em educação musical,na Universidade Estadual de Maringá.

Palavras chave: Musicalização; aula de piano; planejamento; vivência musical.

INTRODUÇÃO

O aluno de música ao recorrer a aulas de instrumento, busca satisfação e prazer no criar, executar e apreciar musical. As notações musicais encontradas nas partituras influenciam fortemente na execução e na aprendizagem do instrumento. A importância destes símbolosmusicais universais é o de conservar até os dias de hoje detalhes de execução que se perderiam na transmissão oral, ou seja, conservar a obra composta com o decorrer dos anos. Seria impossível conceber estas obras musicais sem que fossem compostas nestes “mapas musicais” cheios de símbolos que são as partituras, somente pela tradição oral. Do mesmo modo, se executassem estas obras através de umaexecução puramente mecânica e precisa, sem tradições auditivas de performance, faltaria a maioria dos elementos expressivos e de fraseado. A tradução literal do termo performance para o português teria como significado palavras tais como “execução, realização e desempenho”.
Segundo Swanwick (1994, p.10):

“no ensino de instrumentos dentro das tradições da música ocidental, a leitura e aescrita são vistas como essenciais, e assim, a notação musical geralmente ocupa lugar central, sendo frequentemente o ponto inicial do ensino”.

A partir desta afirmação conclui-se que a maioria dos professores de instrumento optam por iniciar as aulas de música com leitura e escrita musical tradicional, podendo limitar de certo modo, a experimentação intuitiva, a criatividade e a vivencia do alunono instrumento.
Ao iniciar aulas de piano introduzindo a leitura à partitura geralmente é já ensinado a técnica rígida juntamente, como: posição de mão, sonoridade, movimento de pulso, postura e outros. Alunos que não tiveram contato prévio com musicalização ou contato mais aprofundado com a música, poderão estar sujeitos a certas limitações de criatividade se logo em seu primeiro contatomusical formal, for aplicado este modelo dito “tradicional”, sentindo-se “presos” para explorar o instrumento e vivencia-lo e limitados ao estimulo da intuição auditiva e criatividade.
O fazer musical se torna mecânico se a questão motora for abordada sob um só ângulo, por exemplo, executando uma peça de uma só maneira (um só andamento, um só tipo de articulação...) e provavelmente quando surgir algumimprevisto musical as coisas poderão ficar fora de controle. Porém se for executado de maneira a se trabalhar o caráter expressivo, alterando a velocidade, a acentuação, os níveis de intensidade, a gógica, dando mais liberdade ao aluno no que diz respeito a criatividade auditiva, permitindo-o explorar as regiões harmônicas, não apenas a técnica estará sendo trabalhada, mas também a compreensão...
tracking img