Auditoria de sistemas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1487 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
AUDITORIA DE SISTEMAS

I - Introdução

Esta apresentação tem por finalidade mostrar o que é auditoria operacional(contábil e administrativa) e o que é auditoria de sistemas(informatizada).

Para melhor visualização está dividido em oito tópicos.

Pretende-se também mostrar o perfil do profissional de computação e de auditoria de sistemas.

II – Tópicos de discussão

1. Funções daauditoria de sistemas

2. Principais funções do controle interno contábil e administrativo;

3. Controle Interno Contábil;

4. Controle Interno Administrativo;

5. Pontos de Controle e Pontos de Auditoria;

6. Auditoria dos Sistemas de Informação;

7. Posicionamento da Auditoria de Sistemas na Estrutura Organizacional da Empresa;

8. Realidade Brasileira

1. Funções da auditoria desistemas

Promover a adequação (avaliações e recomendações para o aprimoramento) dos Controles Internos nos sistemas de informação da empresa;

Utilização dos recursos humanos, materiais e tecnológicos envolvidos no processamento dos mesmos.

2. Relacionamento do Controle Interno com a auditoria

3. Controle Interno Contábil

O CI Contábil está relacionado aos seguintes parâmetros:I) fidelidade da informação em relação ao dado;

II) segurança física;

III) segurança lógica;

IV) confidencialidade (“privacy”);

V) obediência à legislação em vigor.

3.1 Parâmetros do Controle Interno Contábil

I) A fidelidade da informação em relação ao dado, consiste em verificar se as saídas das informações, de um determinado sistema computadorizado, estão corretase se são provenientes dos dados que deram entrada no mesmo sistema.

Essa especificação concentra-se na validação dos resultados do sistema de informação, ou seja, banco de dados, arquivos magnéticos, documentos de entrada de dados e relatórios de saída, ao nível de registros, informações e dados.

Continuação...

II) A segurança física refere-se à avaliação dos recursos materiais ehumanos aplicados ao ambiente de sistemas de informação, sobre os seguintes aspectos:

a)    ambiente de processamento de dados, tais como: CPD, fitoteca, depósito de suprimentos;

b)   equipamentos de processamentos de dados, como: CPU, unidade de disco magnético, unidade de fita magnética, terminal, impressoras;

c)    suprimentos, tais como: disquetes, discos magnéticos, fita magnética,formulários contínuos;

d)   recursos humanos, como: analistas de sistemas, programadores, operadores de computador e usuários.

Continuação...

III) A segurança lógica consiste em avaliar o nível de segurança e controle empregados com recursos tecnológicos nos processos de um determinado sistema de informação. Tais processos correspondem aos programas de computador, bem como aos procedimentosmecanizados ou manuais que se compõem das rotinas operacionais e dos controles do sistema de informação.

Deve ser traçada a “trilha de auditoria”, ou seja, reconstituir os dados originais a partir das informações geradas e identificar as rotinas onde ocorreram falhas ou erros, caso existam.

Continuação...

IV) A confidencialidade representa o grau de sigilo que um determinado sistema deinformação consegue manter perante acessos de terceiros ou pessoas não autorizadas, para obter informações consideradas privativas.

O nível de confidencialidade das informações é estabelecido pela análise dos dados a ser feita pelos administradores de dados, em conjunto com os usuários finais. As informações podem ser confidenciais a determinadas pessoas, e não a outras. Portanto, a avaliaçãodos recursos tecnológicos empregados, sob a ótica da confidencialidade é relativa

Continuação...

V) E, por último, a obediência à legislação em vigor, que consiste em verificar se os processos ou rotinas de sistemas de informação estão processando de acordo com as leis vigentes no país, estado, município e entidades externas responsáveis pelo estabelecimento de normas e procedimentos.

4....
tracking img