Atps

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3341 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
-------------------------------------------------
FACULDADES ANHANGUERA DE DOURADOS
______________________________________________________

7° Semestre Ciências Contabeis





ATPS – CONTABILIDADE AVANÇADA II

-------------------------------------------------

-------------------------------------------------

DOURADOS / MS
2012ETAPA INDIVIDUAL

Trabalho apresentado à disciplina de
Contabilidade Avançada II, para fins de
avaliação do curso de Ciências Contábeis,
Sob orientação do professor VictorJara.-------------------------------------------------



ETAPA 1
Passo 1 (Aluno)

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) coloca hoje, 20/03/08, em audiência pública, a minuta de Instrução com diretrizes para o tratamento dosprincipais aspectos das informações contábeis que foram alterados pela Lei nº 11.638, de 28 de dezembro de 2007. Essa minuta procura abordar também pontos que foram objeto de sugestões e dúvidas encaminhadas à CVM, em resposta ao Comunicado CVM divulgado em 14.01.2008.
A minuta dispõe sobre os seguintes aspectos:
a) faculta a aplicação das disposições da Lei nº 11.638/07 às InformaçõesTrimestrais (ITRs) durante o ano de 2008. Entretanto, no caso da não aplicação do disposto na Lei nº 11.638, as companhias abertas deverão divulgar em nota explicativa às ITRs de 2008 uma descrição das alterações que possam ter impacto sobre as demonstrações financeiras de final de exercício;
b) traz orientação sobre a demonstração do valor adicionado, que demonstra o quanto de riqueza uma empresaproduziu e de que forma essa riqueza foi distribuída, enquanto a CVM não emitir norma específica;
c) trata de contabilizações específicas alteradas pela Lei nº 11.638, como:
i. os saldos das Reservas de Capital extintas oriundas de prêmio recebido na emissão de debêntures e de doações e subvenções para investimento, que poderão ser mantidos nas respectivas contas;
ii. a manutenção do saldo daReserva de Reavaliação até a sua efetiva realização ou estorno, devendo, no caso de estorno, retroagir ao início do exercício social;
iii. a destinação do saldo da conta de lucros acumulados para reservas de lucro e/ou distribuição de dividendos;
iv. o ajuste a valor presente, que deverá ser aplicado às operações de longo prazo e, nas operações de curto prazo, quando houver efeitosrelevantes, com base em taxas de desconto específicas aos riscos dos ativos e passivos;
v. a divulgação em nota explicativa das remunerações baseadas em ações nas informações trimestrais e nas demonstrações financeiras, enquanto não for emitida norma específica sobre sua contabilização;
vi. a mudança nos critérios para cálculo da equivalência patrimonial de coligadas, que passa a considerar opercentual de 20% ou mais do capital votante em lugar de 20% do capital total, como na regra anterior.
LEI 11.638/07
As demonstrações de cada exercício serão publicadas com a indicação dos valores correspondentes das demonstrações do exercício anterior. Nas demonstrações, as contas semelhantes poderão ser agrupadas; os pequenos saldos poderão ser agregados, desde que indicada a sua natureza e...
tracking img