Atps teoria da contabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3127 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
ANHANGUERA EDUCACIONAL
FACULDADE DE JOINVILLE UNIDADE 1






ADMINISTRAÇÃO
TEORIA DA CONTABILIDADE
PROFESSORA EAD.MARIA CLAUDIA R.BENEDETTI.
TUTOR PRESENCIAL RAFAEL ROZA












Joinville, 25 de novembro de 2012.Sumário

Introdução ......................................................................................................03
Os primeiros Sinais que evidenciam a contabilidade na antiguidade........04
O objetivo da Contabilidade .........................................................................05
Os principais usuários dacontabilidade.........................................................06
Características qualitativas das demonstrações contábeis ..........................07
Quadro: Princípios e postulados contábeis ...................................................08
Os princípios fundamentais da Contabilidade................................................10
Conceitos básicos de Contabilidade................................................................ 12Referencias bibliográfica....................................................................................15



















Introdução
Constata-se que a história da Contabilidade é tão antiga quanto à própria História da civilização. Esta presa às primeiras manifestações humanas da necessidade social de proteção à posse e de perpetuação einterpretação dos fatos ocorridos com o objeto material de que o homem sempre dispôs para alcançar os fins propostos (IUDICIBUS, 1998). Marion (2007, p.12), deixa claro que mesmo sem moeda, escrita ou número, a Contabilidade como inventário já existia. Esta pode ser chama de fase empírica da Contabilidade, em que se utilizavam desenhos, figuras, imagens para identificar o patrimônio existente. Com opassar do tempo, o homem começa a fazer marcas em arvores e pedras, podendo assim conferir seus rebanhos, posses, etc. em termos de crescimentos, extravios e perdas.
Quanto mais o homem evoluía economicamente e em suas relações comerciais, mais dúvidas eles tinham acerca do que ganhavam, ou perdiam, sobre suas negociações e com quem negociava, a necessidade e relevância dedocumentar seu patrimônio se tornaram importante, também ao reino que precisava de alguém que fizesse tal serviço.
[...]A origem da Contabilidade está ligada a necessidade de registros do comércio. Há indícios de que as primeiras cidades comerciais eram dos fenícios. A prática do comércio não era exclusiva destes, sendo exercida nas principais cidades da Antiguidade. A atividade detroca e venda dos comerciantes semíticos requeria o acompanhamento das variações de seus bens quando cada transação era efetuada. As trocas de bens e serviços eram seguidas de simples registros ou relatórios sobre o fato. Mas as cobranças de impostos, na Babilônia já se faziam com escritas, embora rudimentares. Um escriba egípcio contabilizou os negócios efetuados pelo governo de seu país no ano 2000a.C. (ZANLUCA, 2009) [...]




1.1 Os primeiros sinais que evidenciam a existência da Contabilidade na antiguidade


Os primeiros registros da Contabilidade ocorreram por volta de 6.000 anos a.C., dando origem a História antiga da Contabilidade na Suméria, Elão, Egito etc., a qual era efetuada através de sinais feitos em paredes de cavernas e tabuletas de argila,como consequência de um levantamento físico feito nos bens, principalmente em rebanhos, sem avaliação monetária, pois ainda não existia parâmetros para troca ou seja a moeda.
Uma das arcaicas de Ur contém um inventário de cabras; algumas tabuletas de Fara têm como objeto de escrita os cereais e alguns outros diversos elementos. Entre as quais se dedicam aos vários objetos...
tracking img