ATPS Ciencias Sociais Anhanguera

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2574 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de março de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto




UNIVERSIDADE ANHANGUERA – UNIDERP
ADMINISTRAÇÃO
2º SEMESTRE
Alunos:
Beatriz Araújo Silva RA424190
Janielly Lourenço Dias RA424500
Raphaella Araújo da S. Gomes RA422071
Rosana Gomes de Almeida RA414453
Zelta da Conceição Soares RA412986


ATPS DE CIÊNCIAS SOCIAIS


Professora EAD: Mariciane Mores Nunes
Tutora Presencial: Ketty Lins

SOBRADINHO-DF, 20 /11/2013SUMÁRIO


1. INTRODUÇÃO 03
2. CULTURA, O INDIVÍDUO E A SOCIEDADE 04
3. A CLASSE OPERÁRIA VAI AO PARAÍSO 07
4. DESIGUALDADE SOCIAL 09
5. DOCUMENTÁRIO PAJERAMA 10
6. CONCLUSÃO 12
7. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 13






1. INTRODUÇÃO

O trabalho de pesquisa a seguir tratará sobre as ciências sociais e sua representação na sociedade. Após aleitura deste trabalho de pesquisa será possível entender um pouco mais sobre o que são as ciências sociais e como elas nos influenciam, após entender que as ciências sociais estudam a vida do individuo em sociedade, será possível interpretar de onde vem alguns problemas que enfrentamos na sociedade atual e pensar em maneiras de resolver esses problemas.
Tratará também sobre o que significa:cultura, individuo e sociedade. Dando uma compreensão maior dos aspectos sociais, políticos, históricos e culturais, e da importância de cada um deles na sociedade, dos problemas e soluções de cada um.
Além disso, o trabalho trará a tona alguns problemas da sociedade atual, das suas influencias em nossa vida e da abrangência de problemas como desigualdade social e exploração indevida do meio ambiente.O que nos dará uma visão critica dos problemas e possíveis ideias de soluciona-los.




2. CULTURA, O INDIVÍDUO E A SOCIEDADE

Um dos processos mais importantes que ocorre com o ser humano é a contínua aquisição de novas maneiras de agir e pensar em como se comportar, são hábitos e costumes que não se consolidam ao longo do tempo e que se interiorizado de tal modo no individuo que eleconsidera tais comportamentos “naturais” que sempre estiveram com ele desde que nasceu e assim será com seus filhos e netos. O que é belo sempre foi e sempre será. O feio sempre será feio, feio é uma condição inerte ao objetivo ou à pessoa. O gesto de positivo, feio com os dedos é universal.
Balançar a cabeça para cima e para baixo é sinal de sim, para o lado direito é indicativo de não. Sãoatitudes e julgamentos considerados absolutamente normais por qualquer membro da cultura brasileira.
O direito a vida é o respeito aos direitos humanos são alguns que podemos citar.
O estudo da cultura hoje assume um aspecto muito importante de valorizar o próprio ser humano em toda a sua diversidade. Manter a diversidade dentro da globalização e no encontro de valores universais deve ser o maiordesafio da humanidade hoje. E para manter múltiplas culturas convivendo no mesmo espaço e no mesmo tempo devemos entender cada vez mais o quão relativo são os nossos julgamentos do que é certo, errado, bom, ruim e assim por diante, quando examinados fora de seu contexto cultural.
Todas as sociedades - rurais ou urbanas simples ou complexas - possuem cultura e cada sociedade têm a sua integridadeprópria, o seu próprio sistema de valores e seus costumes.
Em sentido cientifico não podemos distinguir graus de cultura, mais avançada, atrasada, melhor ou pior. Não faz nenhum sentido dizermos, por exemplo, que a cultura do homem branco é superior ao inicio. São apenas diferentes, desenvolveram-se casa uma a seu modo, uma não é melhor, nem pior em relação à outra , e nem superior ou inferior.
Acultura de uma determinada sociedade pode diferir profundamente de outra, o que é sagrado para uma pode se repugnante ou repulsivo para outra, como mostra bem o exemplo abaixo, que apresenta costumes de uma cultura indiana e que para os membros da cultura ocidental parecerão horríveis e sem nenhum significado.

Se realizarmos uma pesquisa sobre a história humana desde os tempos mais remotos,...
tracking img