Ato medico

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1944 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVESIDADE SALGADO DE OLIVEIRA
CURSO DE FISIOTERAPIA
DISCIPLINA ÉTICA E DEOTONLOGIA






MARIA DAS GRAÇAS FONTES ELPES
JOSILAINE PEREIRA DE SOUZA
MARGARIDA MARIA CHAVES
OCELENE SANTIAGO GUIMARÃES MOMBERG












ATO MÉDICO




















JUIZ DE FORA
2012
MARIA DAS GRAÇAS FONTES ELPES
JOSILAINE PEREIRA DE SOUZA
MARGARIDA MARIA CHAVESOCELENE SANTIAGO GUIMARÃES MOMBERG
















ATO MÉDICO






Trabalho apresentado à Disciplina de Ética e Deotonlogia do curso de Fisioterapia da Universidade Salgado de Oliveira – UNIVERSO, como parte dos requisitos da disciplina


Profa Flávia PortoJUIZ DE FORA
2012
SUMÁRIO






1 INTRODUÇÃO.................................................................................. 4
1.1 CONCEITO DO ATO MÉDICO......................................................... 4
1.2 OBJETIVOS DO ATO MÉDICO........................................................ 4
1.3 PRINCIPAIS ASPECTOS DALEI..................................................... 4
2 DISCUSSÃO..................................................................................... 5
2.1 PERSPECTIVA MÉDICA “SIM AO ATO MÉDICO”......................... 5
2.2 PERSPECTIVA DOS OUTROS PROFISSIONAIS DE SAÚDE “NÃO AO ATOMÉDICO........................................................................................................ 6
3 CONCLUSÃO................................................................................... 8
REFERÊNCIAS................................................................................. 8






















1 INTRODUÇÃO

1 .1 Conceito do ato médico

Ato médico configura-se como um projeto delei que delimita os atos restritos a especialidade médica, resguardando interesses profissionais da área1.
Esse projeto refere-se à lei n⁰ 7.703-B de 2006 do Senado Federal (PLS n⁰ 268/2002 na Casa de origem), que dispõe sobre o exercício da Medicina 2.


1.2 Objetivos do ato médico

O objetivo da proposta da Lei de regulamentação da medicina visa que os cidadãos brasileirostenham o direito do diagnostico e tratamento realizado por um médico, evitando que pessoas que não tenham a formação exerçam atividades privativas dos mesmos.
Além disso, essa lei atribui ao médico responsabilidades sobre seus atos profissionais, resguardando o paciente de condutas impróprias da profissão 3.


1.3 Principais aspectos da lei


Define que o médico é um profissionalda saúde que trabalhará em colaboração com os outros profissionais da saúde, podendo somente agir como médico aquele que graduar em curso superior de medicina com seu respectivo registro no Conselho Regional 2.
Essa lei determina que o objetivo principal do médico é a saúde do ser humano, atuando na promoção, proteção, recuperação do bem estar, incluindo também a prevenção, diagnóstico etratamento das doenças, além de atuar na reabilitação dos enfermos e portadores de deficiências 2.
Além de definir área de atuação da medicina, esse código também delimita a responsabilidade médica na formulação do diagnóstico nosológico e respectiva prescrição terapêutica, além da indicação de internação e alta, realização de perícia, punções para diagnósticos e terapias 2.
Somandoas restrições acima, somente médicos poderiam assumir direção, chefia de serviços, perícia e auditoria na área médica 2.
Coordenação dos cursos de graduação e pós graduação na área da medicina, ensino de disciplinas especificamente médica e residência também seriam responsabilidades do médico 2.
Contudo, os diagnósticos nutricional, psicológico, comportamental, mental, sensorial,...
tracking img