Atividade de rh nas organizações

DESENVOLVIMENTO

1. A ATIVIDADE DE RH NAS ORGANIZAÇÕES

A Administração de Recursos Humanos vem passando por grandes mudanças e
inovações. Com a crescente globalização dos negócios e a gradativa exposição a forte
concorrência mundial, as palavras de ordem passaram a ser produtividade, qualidade e
competitividade. É através das pessoas que se consegue atingir a solução dessesproblemas,
pois a partir deste novo contexto, elas tornaram-se a vantagem competitiva das organizações.
Pois são nas pessoas que se encontram a aptidão, a motivação, a criatividade, as habilidades organizacionais e a liderança.
As organizações são constituídas de pessoas e dependem delas para atingir seus
objetivos e cumprir suas missões. E para as pessoas, as organizações constituem o meiopelo
qual elas podem alcançar vários objetivos pessoais com um mínimo de tempo, esforço e
conflito. Muitos dos objetivos pessoais jamais poderiam ser alcançados apenas por meio do
esforço pessoal isolado. As organizações surgem para aproveitar a sinergia dos esforços de
várias pessoas que trabalham em conjunto, mostrando assim, a capacidade das pessoas de
conquistar e manter seus empregos, e asempresas, de desenvolver e utilizar as habilidades
intelectuais e competitivas de seus membros.
Segundo Chiavenato (2002), “... a gestão de RH envolve seis processos básicos:
agregar, aplicar, recompensar, desenvolver, manter e monitorar pessoas”. Nesses processos
estão envolvidas as seguintes atividades: Recrutamento, Seleção, Planejamento de RH,
Desenho e Análise de Cargos, Avaliação deDesempenho, Remuneração, Benefícios,
Higiene/Segurança, Relações Sindicais, Treinamento e Desenvolvimento de pessoas e
organização. É através desses processos que se consegue sustentar a organização dos recursos
mais importantes para se alcançar a excelência nos negócios. Todas essas atividades estão
intimamente interligadas.
Diante dessas mudanças ocorridas ao longo do tempo, aatividade de Recursos
Humanos ocupou a posição estratégica dentro da organização, ou seja, está agregando valor
aos negócios. Para isso o RH deve oxigenar a empresa com talentos, sendo responsáveis por
desenvolver o potencial humano e gerar a competência necessária para o crescimento das
organizações. Isso inclui manter a força de trabalho qualificada, motivada e comprometida
com os objetivospropostos, estabelecendo o relacionamento entre os seres humanos e a
organização.
2. O CONTEXTO DO PROGRAMA DE BENEFÍCIOS
O programa de Benefícios está atrelado ao processo de Recompensar Pessoas que é
utilizado para incentivar as pessoas e satisfazer suas necessidades individuais mais elevadas.
Segundo Marras, (2000) “denomina-se benefício o conjunto de programas ou planos
oferecidos pelaorganização como complemento ao sistema de salários”.
Os benefícios são uma forma de remuneração indireta que visa facilitar a vida dos
funcionários que se não sendo proporcionados pela organização teriam que ser pagos
integralmente com o próprio salário. Além disso, essas regalias e vantagens oferecidas pelas
organizações poupam tempo, dinheiro e esforços das pessoas para poderem adquiri-los.Os benefícios podem ser financiados, parciais ou totalmente, pela empresa. Contudo, constituem meios indispensáveis na manutenção de força de trabalho dentro de um nível satisfatório de moral e produtividade. A remuneração não visa apenas recompensar os funcionários pelo seu trabalho e dedicação, mas tornar a sua vida mais fácil e agradável.
Os benefícios existem, essencialmente, como formade retenção e motivação dos
colaboradores. Do lado do empregador, os benefícios são analisados pelo ponto de vista da
relação com os custos da remuneração total, custos proporcionais dos benefícios, oferta do
mercado, (o que as empresas oferecem aos seus empregados).
Do lado, dos empregados, os benefícios são analisados em termos de eqüidade (distribuição justa) e adequação às suas...
tracking img