Atendimento pre hospitalar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 29 (7151 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Serviço de Atendimento Móvel de Urgência: Um observatório dos acidentes de transportes terrestre em nível local Mobile Emergency Care Service: A survey of local land transportation accidents

Resumo
Conhecer a epidemiologia dos acidentes de transportes terrestres é fundamental para definir políticas de prevenção desse agravo e das mortes por ele causados. Objetivouse caracterizar o perfilepidemiológico das vítimas do trânsito e a distribuição dos atendimentos por acidentes de transporte a partir de técnica de análise espacial. Estudo descritivo, utilizou como fonte de dados o banco de atendimentos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência do município de Olinda, Pernambuco, entre julho de 2006 a junho de 2007. A distribuição geográfica das ocorrências foi analisada por meio doÍndice de Moran. Pedestres, ocupantes de motocicleta e ciclistas concentraram 78% dos atendimentos; houve predomínio do sexo masculino (79%) e da faixa etária 20-39 anos (65%). Os finais de semana concentraram a maioria dos atendimentos (56,1%; χ² = 123,7; p < 0,001). Enquanto de segunda a quintas-feira 52% dos atendimentos se concentraram das 6h00 às 17h59, nos finais de semana, entre 18h00 e 5h59,ocorreram 57% dos atendimentos. Motocicletas estão envolvidas em 68% dos acidentes e em 54% dos atropelamentos. O Índice de Moran apontou regiões críticas, ratificando a importância do Sistema de Informação Geográfica e da análise espacial na vigilância dos acidentes de transportes terrestres. Os dados mostram o potencial dessa fonte de dados em contribuir no monitoramento permanente destes eventosao apontar áreas geográficas e fatores associados ao maior risco de atendimentos no município. É pertinente a divulgação desses dados aos gestores, profissionais de saúde e o público em geral. Palavras-Chave: Acidentes de transporte terrestre. Atendimento pré-hospitalar móvel. Perfil epidemiológico. Análise especial. Causas externas. Geoprocessamento.

Amanda Priscila de Santana CabralI WaynerVieira de SouzaII Maria Luiza Carvalho de LimaIII
Núcleo de Estudos em Saúde Coletiva do Centro de Pesquisa Aggeu Magalhães da Fundação Oswaldo Cruz - PE.
I

Laboratório de Métodos Quantitativos em Saúde do Núcleo de Estudos em Saúde Coletiva do Centro de Pesquisa Aggeu Magalhães da Fundação Oswaldo Cruz – PE.
II

Laboratório de Estudos em Violência e Saúde do Núcleo de Estudos em SaúdeColetiva do Centro de Pesquisa Aggeu Magalhães da Fundação Oswaldo Cruz – PE.
III

Correspondência: Amanda Priscila de Santana Cabral. Rua Ribeiro de Brito, 930, Apto 201 – Boa Viagem, Recife – PE CEP 51021-310. E-mail: amandapscabral@gmail.com

3

Rev Bras Epidemiol 2011; 14(1): 3-14

Abstract
Understanding the occurrence of land transportation accidents and describing the victims isfundamental for the definition of prevention and control policies regarding these events and the deaths they cause. The aim of the present study was to characterize the epidemiological profile of land transportation victims and the distribution of emergency care for land transportation accidents using spatial analysis. A descriptive study was carried out using the Mobile Emergency Care Service databaseof the city of Olinda (Pernambuco, Brazil) for occurrences between July 2006 and June 2007. The geographic distribution was analyzed using the Moran Index. Pedestrians, motorcyclists and bicyclists concentrated 78% of the emergency care; there was a predominance of male victims (79%) and victims between 20 and 39 years of age (65%). A greater concentration of occurrences was found on weekends(56%; χ² = 123.7; p < 0.001). Between Monday and Thursday, 52% of occurrences were concentrated between 6 am and 5:59 pm; on weekends, 57% of the occurrences were concentrated between 6 pm and 5:59 am. Motorcycles were involved in 68% of the accidents and 54% of run-over events. Spatial analysis using the Moran Index indicated regions of risk, thereby stressing the importance of the Geographic...
tracking img