Ata fisica experimental

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 26 (6379 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Medidas e Erros – Experimento 1

Separar os itens do relatório com espaço
Objetivo: Determinar a densidade de uma placa metálica. (0,5/0,5)
Dados experimentais: (3,1 / 4,0)

Foi utilizada uma balança digital para medir a massa da placa.
Tabela 1: Massa da placa
Massa (g) |
Erro Instrumental: 0,1 |
M1: 8,5 |
M2: 8,5 |
M3: 8,6 |
M4: 8,5 |
M5: 8,5 |

Foi utilizado ummicrômetro para medir a espessura e um paquímetro para medir as dimensões do furo, do comprimento e da largura.
As medidas foram tomadas na mesma posição?
Tabela 2: Medidas das dimensões da placa retangular
Comprimento Lado A (mm) | Largura Lado B (mm) | Espessura (mm) | Diâmetro do furo (mm) |
Erro instrumental: 0,05 | Erro instrumental: 0,05 | Erro instrumental: 0,005 | Erro instrumental: 0,05 |A1: 40,20 | B1: 29,60 | C1: 3,147 | D1: 16,5 |
A2: 40,10 | B2: 29,50 | C2: 3,050 | D2: 17,0 |
A3: 40,15 | B3: 29,40 | C3: 3,041 | D3: 17,0 |
A4: 40,20 | B4: 29,40 | C4: 3,049 | D4: 17,5 |
A5: 40,05 | B5: 29,40 | C5: 3,045 | D5: 17,0 |

Exluir tudo que está em vermelho. Essa indicação é desnecessária.
Qual a regra usada para determinar o erro instrumental?
Falta um algarismosignificativo nos dados do diâmetro do furo.O erro instrumental de 0,05mm indica que o algarismo duvidoso está na casa do centésimo de milímetro

Análise de dados (3,6 / 4,4)
Determinação da massa: M = (Mm ± ΔM)g, onde Mm é o valor médio da massa, obtido pela média aritmética das massas e ΔM é o erro experimental, obtido pela soma do erro instrumental com o erro aleatório.
Tabela 3: Resultado damedida da massa (g)
Valor médio | Erro Instrumental | Erro Aleatório | Erro Experimental | Resultado Experimental |
8,5 | 0,1 | 0,04 | 0,1 | 8,5 ± 0,1 |
Erro aleatório calculado como: desvio padrão das medidas
Qual a equação do desvio padrão?
Não calculou o erro relativo percentual da massa?
O resultado da medida de cada dimensão deve ser escrito como X = (Xm ± ΔX) onde, Xm é o valor médio, ΔXé o erro experimental.

Tabela 4: Resultado das medidas de dimensão (mm)
| Valor Médio | Erro Instrumental | Erro Aleatório | Erro Experimental | Resultado Experimental |
Lado A (A) | 40,14 | 0,05 | 0,06 | 0,11 | 40,14 ± 0,11 |
Lado B (B) | 29,46 | 0,05 | 0,08 | 0,13 | 29,46 ± 0,13 |
Espessura (C) | 3,066 | 0,005 | 0,045 | 0,05 | 3,07 ± 0,05 |
Diâmetro (D) | 17,0 | 0,05 | 0,35 | 0,40 |17 ± 0,40 |
Erro aleatório calculado como: desvio padrão das medidas
Diâmetro medido com erro instrumental 0,05 tem que ter duas casas depois da vírgula. Melhor estimativa não pode ter número de casas decimais diferente do erro.

Determinação do volume: V = (Vm ± ΔV), onde Vm é a melhor estimativa e ΔV é a incerteza. Vt é o volume total da placa, Vf é o volume do furo e Vm é o valor médio dovolume da placa.
Vt = Am x Bm x Cm
Vt = 40,14 x 29,46 x 3,07
Vt = 3630mm3
Deveria ter 3 algarismos significativos pois a espessura só tem 3.

Vf = πr2 Cm
Vf = 3,14 x (8,5)2 x 3,07
Vf = 697mm3
Deveria ter dois algarismos significativos pois o raio só tem dois.
Vm = Vt - Vf
Vm = 3630 – 697
Vm = 2933mm3

Erro experimental
ΔVt = Vt (ΔA/A + ΔB/B + ΔC/C)
ΔVt = 3630 x (0,003 + 0,004 +0,017)
ΔVt = 3630 x 0,024
ΔVt = 87

ΔVf = Vf (ΔC/C + ΔD/D)
na equação que escreveu para Vf não tem variavél D. Tem variavél r e C
ΔVf = 697 x (0,017 + 0,02)
ΔVf = 697 x 0,04
ΔVf = 27,9

ΔVm = ΔVt + ΔVf
ΔVm = 87 + 27,9
ΔVm = 115

Erro relativo percentual: 3,92%.
Qual a equação usada para fazer esse calculo?

Tabela 5: Resultado da medida do volume
V = 2933 ± 115 qual a unidade? |Acho pouco provável que o erro possa ter 3 algarismos significativos.

Determinação da densidade: calcula-se pela razão massa/volume. É escrito como ρ=ρm±Δρ, onde ρm é calculado como a razão entre a melhor estimativa da massa e a melhor estimativa do volume da placa; e Δρ é o erro experimental, calculado utilizando a regra de propagação de erros adequada para uma operação de divisão.

ρm =...
tracking img