Assistente social

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3600 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A intervenção do Assistente Social na garantia dos direitos dos idosos atendidos no CRAS do Município de Nina Rodrigues – MA: O Papel do Serviço Social na garantia dos direitos dos idosos: do não acesso a informações relativas aos direitos sociais de idosos atendidos no CRAS no Município de Nina Rodrigues – MA.








Claudia MorganaSantana Alves




Resumo: O presente artigo tem como objetivo fazer uma investigação teórica referente aos direitos dos idosos observados no contexto brasileiro. Consideram em particular as implicações da transição demográfica para o sistema social, alguns percursos trilhados pelos idosos quanto a sua organização sócio-política com vista à conquista dos seus direitos e garantias sociais.Aborda também algumas especificidades no que tange ao marco legal de proteção ao idoso representado pela Constituição de 1988, a Política Nacional e o Estatuto do Idoso. A implementação de muitas das propostas de atenção ao idoso no Brasil envolve o exercício profissional do assistente social que, ao realizar ações de caráter interventivo, favorece a população idosa o acesso à informações, àprestação de serviço sócio-assistencial, fortalecendo sua condição de ser cidadão.
Palavras-chaves: Processo de intervenção, garantia de direitos e idosos.






















INTRODUÇÃO


Devido aos inúmeros descasos que ocorrem em nosso país referente à pessoa idosa, a falta de compromisso com essa população que tanto contribuiu para o desenvolvimento de toda uma sociedade,pode perceber que é de grande importância à intervenção do profissional de Serviço Social junto aos demais profissionais que compõem a equipe do CRAS na busca incessante pela garantia dos direitos disponíveis aos mesmos.
Baseado aos diversos casos e descasos com a pessoa idosa, mas precisamente no município de Nina Rodrigues – MA no qual realizei todo o meu estágio IV no CRAS do respectivomunicípio, pude acompanhar a verdadeira realidade das pessoas da terceira idade que se encontravam inclusas no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos da Pessoa Idosa, vivenciando o dia a dia de ambos através de visitas domiciliares, das rodas de conversas que realizamos na Casa do Idoso, e das atividades sócias educativas realizadas pela a equipe do CRAS junto com os estagiários de ServiçoSocial, levou com que meu interesse por esse grupo enquanto profissional só aumentasse, devido a todo estágio que convivi com eles na casa do idoso, vendo a grande necessidade que os mesmos têm de alguém que tenha compromisso com o grupo, senti – me necessidade em aprofundar e conhecer melhor o verdadeiro modo de intervir do Assistente Social na busca pela garantia dos direitos da terceira idade quemuita das vezes estão a margem da sociedade e excluídas do convívio social.
O Assistente Social atua na garantia e defesa de suas atribuições e prerrogativas. No CRAS de Nina Rodrigues – MA, o Assistente Social atua na contribuição e na promoção dos direitos das pessoas idosas de várias maneiras, através de palestras onde são mostrados e explicados todos os seus direitos, visitas domiciliares,acompanhamentos e no desenvolvimento familiar do idoso com a família.












1. ENVELHECIMENTO E A QUESTÃO SOCIAL.
































































2. DIREITOS SOCIAIS E A POLÍTICA DO IDOSO.

A discussão sobre os direitos sociais da população idosa é premente. Várias ações temsido implementadas, como forma de garantir o que está estabelecido na legislação social. Identificam-se, no tocante a população idosa, dois marcos legais: a Constituição de 1988, que estabelece, nos artigos 229 e 230, a obrigação de incluir na agenda política as necessidades e os direitos desta população; o Estatuto do Idoso, que determina os direitos e o estabelecimento da rede de proteção e...
tracking img