Asia e afria no periodo pos guerra

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1300 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
ÁFRICA E ÁSIA NO PERÍODO POSTERIOR À SEGUNDA GUERRA MUNDIAL
ESQUEMA


- Período entre o final da II Guerra e o fim da década de 60: grande parte das colônias européias na Ásia e na África conquista sua independência política.
- Conflitos mundiais – contribuíram para enfraquecer as potências imperialistas; vínculos com o colonizador são afrouxados; participação dos povos africanos e asiáticosnos conflitos favorece o fortalecimento de um sentimento de identidade cultural e nacional, além de evidenciarem as contradições do colonialismo.
- Contexto da guerra fria – EUA e URSS passam a defender o direito de autodeterminação dos povos.
- Papel do socialismo na inspiração dos movimentos de libertação – associação entre capitalismo e imperialismo – socialismo ofereceria uma alternativa aomodelo até então e que fora implantado pelos europeus.
- Resistências à colonização eram algo já antigo em sociedades como a China, a Índia, a Argélia e a Indochina desde o século XIX.
- Colônias da Grã-Bretanha são as primeiras a iniciar lutas por autonomia, especialmente na Ásia – caso da Índia.
- França – potência ocidental mais inflexível em relação aos movimentos de independência – casosdo Vietnã e da Argélia.

ÁFRICA
- 1945 – V Congresso Pan-Africano – contando com a presença de líderes africanos, termina por condenar o colonialismo e reafirmar o princípio da autodeterminação dos povos.
- Crescimento do sentimento nacionalista – jovens das elites que iam estudar na Europa e retornavam dispostos a romper os laços coloniais – adquiriam conhecimento sobre como funcionava adominação colonial.
- Pan-africanismo – reinterpretou a categoria “raça”, tornando-se um importante movimento político no século XX – fundação de uma identidade própria, com base na noção de “raça”, fazendo com que povos africanos e seus descendentes pudessem encontrar uma origem e um destino comuns, e lutar contra o colonialismo.
- Particularidades dos movimentos de independência – combates armadose negociações políticas.
- O termo “descolonização” – sofre críticas, pois pode induzir a uma visão eurocêntrica sobre esse processo, pois leva a crer que a independência dos países africanos teria ocorrido por iniciativa dos europeus – passa a idéia de que as metrópoles teriam concedido por vontade própria a independência aos africanos, ignorando as lutas que ocorreram e o fato de que,inclusive nas independências negociadas politicamente, a pressão e a resistência dos povos colonizados foram fundamentais.

- Difícil processo de formação de seus Estados nacionais – cenário no continente marcado por intensa diversidade cultural, com cerca de 800 etnias e mais de mil línguas.
- Diversidade do continente – norte: certa unidade cultural, marcada sobretudo pela cultura árabe e pelareligião muçulmana. Diversidade maior ao sul do deserto do Saara: a chamada África Negra.
- Questão das fronteiras – partilha do continente realizada pelas potências européias no século XIX possuem um caráter artificial: objetivavam satisfazer os interesses europeus, sem levar em conta as necessidades e características dos povos africanos – populações com identidades comuns foram separadas, enquantopovos rivais foram reunidos em uma mesma unidade política – violentas guerras civis surgiram disso – Angola, Somália, Etiópia, Sudão, Burundi, Ruanda, Serra Leoa, Congo e Guiné-Bissau.
- Surgimento de regimes ditatoriais em alguns países recém-libertados – processo de militarização, visto que os governos agora independentes tiveram de montar e equipar suas Forças Armadas – investimento da compra dematerial bélico e na formação de exércitos, o que colocou em evidência e deu grande prestígio aos militares – estes passam a ser vistos como uma alternativa política para substituir os governantes civis que não conseguiam atender as necessidades da população. – exemplo do Congo.
- Problemas agravados ainda pelo clima belicoso da guerra fria – EUA e URSS, ansiosos por ampliar suas áreas de...
tracking img