Asdasdasdassd

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2200 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Instituto Federal Goiano – Campus Morrinhos

Tópicos Especiais – Interfaces Gráficas para Web

Matheus Henrique Alves de Oliveira
Vinicius Soares Reis

Morrinhos-GO
Novembro/2012

Introdução

Neste trabalho veremos a origem das interfaces gráficas que surgiram, sua historia e como elas melhoraram a interação homem – computador.
Falaremos sobre a historia das interfaces em si, seusdesenvolvedores, e datas.
E não somente das interfaces gráficas mas de outros meios de interação com o computador.
E depois sobre as interfaces para web, que foram apenas as melhorias das interfaces de maquina para a web. Sobre as tecnologias de seu desenvolvimento e etc.

A história da interface gráfica

A forma como os humanos interagem com os computadores sempre foi uma preocupação da indústria dainformática. Durante algumas décadas, essa interação passou da linha de comando, em modo texto, para desktops em três dimensões e softwares que aceitam comandos por voz ou gestos com o propósito de facilitar e tornar mais intuitiva a utilização das máquinas.
Como boa parte das tecnologias existentes, a ideia de uma Interface Gráfica do Usuário (GUI) começou muito tempo antes de possuirmos a tecnologianecessária para implementá-la. Uma das primeiras pessoas a pensar nessa possibilidade foi o engenheiro, inventor e político Vannevar Bush.
O que transformou Bush em um pioneiro da área foi a percepção de que os meios de armazenamento de informações não estavam mais comportando tantos dados. A máquina imaginada por Bush, chamada de Memex, era capaz não apenas de armazenar tanta informação, como tambémde relacioná-las e oferecer uma maneira fácil de procurá-las em meio a tantos dados.

O pai do mouse e da interface gráfica

Inspirado pelo trabalho de Vannevar Bush, o engenheiro elétrico Douglas Engelbart visualizou a possibilidade de usar computadores para aumentar o intelecto humano, em vez de substituí-lo. Ele acreditava que, com informações dispostas em uma tela, o usuário poderia seorganizar de maneira gráfica e pular de uma informação para outra, sempre que necessário.
Como no caso do Memex, as ideias de Engelbart estavam muito à frente de sua época. Em 1962, até mesmo interfaces em modo texto, com comandos sendo executados em tempo real, eram consideradas como “de outro mundo”, já que os mainframes da época eram operados com cartões perfurados e demoravam horas ou dias paraentregarem o resultado do processamento.
Em 1968, depois de conseguir um financiamento para suas pesquisas, Engelbart e sua equipe demonstraram o potencial dos computadores e de alguns dispositivos de entrada. Entre os “periféricos”, estava uma caixa retangular, com três botões na parte de cima e conectada ao computador por um cabo: era um dos primeiros modelos de mouse da história, inventado pelopróprio Engelbart e construído por um dos engenheiros da equipe.
Mas o mouse foi apenas uma das muitas inovações demonstradas naquele dia, que incluíam o hipertexto, comunicação por rede e uma tela compartilhada por duas pessoas que estavam em locais diferentes, mas que podiam trabalhar em conjunto: a primeira videoconferência da história.
Os softwares desenvolvidos para esse computador ainda nãotrabalhavam com o conceito de janelas, como nas interfaces atuais.

Janelas: cada um no seu quadrado

Com o surgimento da Smalltalk, linguagem de programação e ambiente de desenvolvimento que possuía uma interface gráfica diferenciada, a GUI começou a ganhar aspectos mais modernos, em 1974.
Smalltalk sendo executado no Alto, em 1979 (Fonte da imagem: The Weekly Squeak)
A grande inovação foram asjanelas, que possuíam bordas e barras de títulos que permitiam a identificação e o reposicionamento delas. O conceito de ícones também surgiu na mesma época, assim como o menu de contexto. No mesmo período, também foram apresentadas as barras de rolagem, as caixas de diálogo e os botões de opções (radio buttons).

A chegada da Apple

Outro passo importante na história das interfaces gráficas foi...
tracking img