Asasas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (441 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
• Determine o nome das obras que foram escolhidas por você.
Livro: As intermitências da morte.
Filme: Sociedade dos poetas mortos.

• O que o levou a selecionar essas obras?
Livro:Facilidade de acha-lo (baixei no celular de graça na internet).
Filme: Disseram que era um bom filme.

• Quanto tempo levou para você ler o livro?
Mais ou menos 20 dias.

• Em que momento você viu ofilme? Alguém mais o viu com você?
Enquanto estava lendo o livro. Não, eu vi sozinho.

• Você se interessou por alguma outra obra? Se sim, qual e por quê?
Não, eu não me interessei por nenhumaoutra obra.

2ª Parte: O livro

• Faça um resumo 5 (cinco) linhas sobre a obra lida.
O livro conta a história de um país onde, a partir das 0:00 do dia 1 de janeiro ninguém morre. O que parece bomno início acaba se tornando um problema gigantesco. As pessoas que deveriam morrer acabam ficando em um estado de “coma”, até que se descobre que fora das fronteiras do país a morte ainda atua. Issoacaba gerando problemas com os países vizinhos e cada vez mais problemas surgem nesse país.

• A obra lida pertence a qual gênero literário? Narrativo ou dramático? Justifique.
Narrativo, pois éapresentado em forma de prosa e não é feito pensando em ser encenado por atores numa peça ou cinema.

• Identifique o(s) protagonista(s) da obra.
A morte.

• Como se comporta o enredo da obra?É um enredo linear.

• Ao final, você se surpreendeu de alguma forma? Por quê?
Não, pois durante a parte final do livro, foi possível deduzir que o final seria daquela forma.

• Você seidentificou com algum momento do livro ou com algum personagem? Justifique.
Não, pois o livra não fala sobre fatos comuns no meu cotidiano.

• Em relação à linguagem utilizada pelo autor, houve algumadificuldade no desenvolvimento da leitura? Justifique.
Sim, pois além do fato de que o livro seguia as normas da língua portuguesa de Portugal e não do Brasil, o autor não identifica os diálogos de...
tracking img