As teorias comparadas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1593 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
serviço social

AS TEORIAS COMPARADAS

Feira de Santana

AS TEORIAS COMPARADAS

Trabalho apresentado ao Curso serviço social da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a disciplina Sociologia
Orientador: Prof. Sergio de Goes Barbosa.

Feira de Santana
2010

INTRODUÇÃOFalarei aqui sobre a Sociologia e o Serviço Social, a profisão e a ciencia, tambem falarei dos seus autores e os clasiscos da sociologia .
O Serviço Social e a sociologia são terminologias distantes, porém inter-relacionadas, o Serviço Social é a profissão, enquanto a sociologia é uma ciencia, ou seja teoria e pratica.

Os temas atuais a partir das teorias sociológicas,considerando os principais autores já mencionados, temas que serão complementares a formação profissional.

Desde que nasceu a sociologia, em meio à crise da Revolução Industrial, tal ciência foi e é de fundamental importância para sociedade em geral e os fatos sociais gerados principalmente pelo capitalismo podem se analisados e comparados com os atuais. Para área de serviço socialé tão importante como a psicologia e antropologia por exemplo.

AS TEORIAS COMPARADAS
1-Desenvolvimento
Há milhares de anos procura-se compreender a vida em grupo. Várias foram as maneiras inventadas pela raça humana. Desde a fantasia e a imaginação, fruto de uma postura mítica, passando pela Filosofia e pela dogmática religiosa. Não é raro encontrarmos, ainda hoje, presente emdeterminados grupos sociais, heranças destas posturas milenares que visavam mais propor ou impor normas para uma sociedade ideal, do que a pesquisa e o estudo propriamente ditos.
Sociologia é o estudo do comportamento social das interações e organizações humanas, que tem como objetivo principal tornar as compreensões cotidianas da sociedade mais sistematicas e precisas. Portanto, é uma ciencia queestuda todos os símbolos culturais que os seres humanos criam e usam para interagir e organizar a sociedade, ela explora todas as estruturas sociais, que fluem através da ordem estabelecida socialmente, e busca entender as transformações que esses processos provocam na cultura e na estrutura social.
A sociologia é fruto da Revolução Industrial e por essa razão é conhecida tambem como ciencia dacrise.Tal crise foi gerada em toda a sociedade Europeia, que se desemvolveu a partir do seculo XV.
O surgimento da Sociologia prende-se em parte aos desenvolvimentos oriundos da Revolução industrial pelas novas condições de existência por ela criada. Mas uma outra circunstância concorreria também para a sua formação. Trata-se das modificações que vinham ocorrendo nas formas de pensamento, originadapelo iluminismo. As transformações econômicas, que se achavam em curso no ocidente europeu desde o século XVI, não poderiam deixar de provocar modificações na forma de conhecer a natureza e a cultura.
O século XVIII pode ser considerado um período de grande importância para a história do pensamento ocidental e para o início da Sociologia. A sociedade vivia uma era de mudanças de impacto em suaconjuntura política, econômica e cultural, que trazia novas situações e também novos problemas. Conseqüentemente, esse contexto dinâmico e confuso contribui para eclodirem duas grandes revoluções – a Revolução Industrial, na Inglaterra e a Revolução Francesa
A definição de Auguste Comte quanto à sociologia é de que ela deve ser vista como uma ciência da sociedade, denominando-a, inicialmente de"física social".
Os resultados da pesquisa sociológica não são de interesse apenas de sociólogos. Cobrindo todas as áreas do convívio humano , desde as relações na família até a organização das grandes empresas, o papel da politica na sociedade ou o comportamento religioso , a Sociologia pode vir a interessar, em diferentes graus de intensidade,e a diversas outras áreas . Entretanto, o maior...
tracking img