As permanências do coronelismo e do voto de cabresto na política de cacimbas-pb

Páginas: 15 (3570 palavras) Publicado: 28 de junho de 2012
FUNDAÇÃO FRANCISCO MASCARENHAS
FACULDADES INTEGRADAS DE PATOS
CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM HISTÓRIA

DÊIS MARIA LIMA CUNHA SILVA

AS PERMANÊNCIAS DO CORONELISMO E DO VOTO DE CABRESTO NA POLÍTICA DE CACIMBAS-PB

PATOS-PB
2012
DÊIS MARIA LIMA CUNHA SILVA

AS PERMANÊNCIAS DO CORONELISMO E DO VOTO DE CABRESTO NA POLÍTICA DE CACIMBAS-PB

Projeto de Pesquisa apresentado a disciplina TCC(Trabalho de Conclusão de Curso), do Curso de Licenciatura Plena em História das Faculdades Integradas de Patos, em cumprimento às exigências para a aprovação na disciplina.

Orientadora: Profª. Ms. Rosemary Ramos Rodrigues

Patos-PB
2012

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 04
2 JUSTIFICATIVA 06
3 PROBLEMA E HIPÒTESE 07
4 OBJETIVOS 08
4.1 OBJETIVO GERAL 08
4.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS 085 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA 09
6 METODOLOGIA 13
REFERÊNCIAS 14

1-INTRODUÇÃO

O presente trabalho tem por objetivo analisar as permanências do coronelismo, sistema, que alguns historiadores afirmam ter surgido no Brasil Colônia e que se destacou com a proclamação da República, mas que em pleno século XXI e em um regime democrático ainda percebemos que o coronelismo está presenteprincipalmente nas cidades pequenas. Sendo assim, este será pesquisado e analisado na cidade de Cacimbas-PB.
Há uma discussão entre os historiadores sobre qual o momento da História a prática do Coronelismo surgiu. Podemos observar nos relatos de historiadores que esta prática vem ocorrendo em nosso país desde a colonização, outros mostram ainda que ocorre desde o Império e deu continuidade até a chamadaRepública das Oligarquias sendo que a mesma terminou com Revolução de 30, finalizando assim a República Velha. É aí que realmente observamos o Coronelismo e o voto de cabresto ser praticados sem o menor pudor. O termo coronelismo vem do título de coronel que a elite oligárquica adquiriu ao comandar a já extinta Guarda Nacional. Como só a elite agrária estava a frente da Guarda Nacional, sendoestes grandes proprietários de terra, mesmo ao ser extinta a Guarda Nacional o título de coronel continuou a existir, sendo que desta vez bastava ser dono de grande propriedade de terra para ser um coronel.
O coronel por sua vez tinha ao seu redor todos que moravam na fazenda e todos o obedeciam ou por terem algum tipo de consideração, por serem intimidados ou por deverem algum tipo de favor. Sendoassim, cada vez que tinha eleição depois que o voto passou a ser direto todos eram obrigados a votar no candidato que o coronel mandasse ou perderiam seus favores, sua proteção e até mesmo a própria vida.
Sendo assim, o coronelismo trata-se de um poder político exercido por um “coronel”, que manipula a massa popular para seu engrandecimento político, social e econômico. Sendo o coronel um ricofazendeiro ou rico empresário na atualidade, mora numa fazenda, ou numa cidade pequena, onde todos ao seu redor dependem do comércio que o mesmo tem e dos empregos que por ventura possa oferecer aos seus. Ao morar na cidade pequena tenta de todas as maneiras controlar o povo oferecendo-lhe emprego e/ou favores e por isso em troca desses favores o povo se deixa colocar um cabresto votando sempre no“coronel” ou em seus representantes.
A troca de favores é um dos fatores que colaboram com a permanência dessa prática que usurpa a liberdade de escolha que a massa popular adquiriu mediante tantas lutas e tanto sangue derramado. A ignorância, a falta de informação do povo e mesmo a aceitação por está adquirindo algum favor também favorecem, pois ao pedir ao coronel um emprego, remédios,transporte dentre outras coisas, esquece que tudo isso é um direito que lhes é garantido na Constituição Federal e que este “coronel” ao ser eleito torna-se representante de toda uma população e não somente de quem o elegeu.
A partir do momento que a massa tiver uma educação de qualidade, preocuparem-se com uma formação e com informação tirarão o cabresto de suas cabeças, saberão cobrar o que lhe é...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Coronelismo e voto de cabresto
  • O que era “O voto do cabresto”, como isso se relaciona na política no Brasil.
  • Voto de cabresto
  • Voto de Cabresto
  • voto de cabresto
  • Voto De Cabresto
  • O voto de cabresto
  • Coronelismo, enxada e voto

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!