As fontes da teologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1469 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
As Fontes da Teologia
A teologia cristã é proveniente de diversas fontes. Há uma grande discussão quanto à identidade e à relativa importância dessas fontes para a análise teológica. Neste texto avaliaremos a identidade dessas fontes e forneceremos uma avaliação das mesmas.
Tem sido reconhecida algumas fontes principais dentro da tradição cristã dentre elas estão: as escrituras, a razão e arevelação e a experiência.
Cada uma tem uma contribuição diferenciada dentro da reologia e veremos a seguir.

As escrituras
Algo que deve ser destacado quando falamos sobre a bíblia é que ela não só representa um mero objeto de estudos acadêmicos formais dentro do cristianismo, as escrituras estão dentro do contexto do culto, sendo ainda objeto de meditação e devoção individual por partes doscristãos.
Com o decorrer do tempo, traçou-se uma distinção entre o “antigo testamento” e os “apócrifos”: o primeiro era constituído pelos livros encontrados na bíblia em hebraico, ao passo que os últimos consistiam nos livros que se encontram na bíblia grega e latina.
As expressões cristãs “antigo testamento” e “novo testamento” são de natureza intensamente teológica. A estrutura da teologiacristã que conduz a diferenciação entre o antigo e o novo testamento é a das “alianças” ou “dispensações”.
A palavra de Deus expressa uma maneira de Deus se dirigir às pessoas que dessa maneira, torna-se cientes dos propósitos e da vontade de Deus em relação a elas.

Razão e Revelação: três modelos
Pelo fato dos humanos serem racionais, deve-se esperar que a razão deva ter um papel preponderantea desempenhar na teologia. discussão sobre o desenvolvimento de certos posicionamentos patrísticos diante da cultura secular , inclusive da filosofia notamos surgimento de variedades de atitudes naquela época dentre as quais uma aceitação um tanto indiscriminada do platonismo (em JUSTINO MÁRTIR por exemplo) uma firme rejeição de qualquer papel para filosofia na teologia (em TERTULIANO porexemplo )e uma disposição para se apropriar ao menos de algumas das ideias oriundas da filosofia secular (em AGOSTINHO por exemplo).
1 A teologia é uma disciplina racional. Essa posição associada a escritores como Tomas de Aquino, trabalha a partir do pressuposto de que a fé cristã é racional.
No entanto Aquino e a tradição cristã da qual era representante não acreditava que o cristianismo estivesselimitado àquilo que pudesse ser comprovado pela razão, investigando quais possam ser suas implicações. Sendo assim, a teologia utiliza-se de métodos racionais para construir a partir daquilo que é conhecido como revelação.
O notável historiador Etienne Gilson, estudioso do pensamento cristã medieval, fez uma encantadora analogia entre os grandes sistemas teológicos da idade média que surgiam portoda a Europa cristã, o cristianismo era como uma catedral, cujos alicerces se baseavam na razão humana, mas cuja estrutura se erguia muito além dos domínios acessíveis a razão pura.
2 Excelente exemplo dessa abordagem encontra-se nos escritos do Lorde Herbert de Cherbury, defendia um cristianismo racional fundamentado em um sentido inato de Deus e no dever moral do ser humano se o cristianismoera racional, logo quaisquer partes integrantes de seu sistema que não pudessem ser comprovada pela razão não poderiam ser consideradas como racionais, segundo entendia-se a razão tinha prioridade sobre a revelação, a razão vinha em primeiro lugar e a fé em segundo.
3 Na verdade, segundo defendia essa posição, o cristianismo realmente possuía uma serie de dogmas importantes que eram inconsistentescom a razão.

O deísmo

O termo “deísmo” (do latim deus, “DEUS”) é normalmente empregado em sentido geral para designar aquela visão de Deus que o mantém na condição de criador, mas nega seu desenvolvimento constante ou sua presença especial em meio a sua criação. Normalmente, põe-se em oposição ao “teísmo” (do grego theos, “Deus” ), que admite o contínuo desenvolvimento de Deus no mundo....
tracking img