As dez obras sustentaveis

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1070 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
As dez obras sustentáveis mais emblemáticas do mundo

Bank of America Tower, One Bryant Park, New York, EUA

Primeiro edifício a receber a certificação LEED (Leadership in Energy and Environmental Design) Platinum do U.S. Green Bulding Council, concebido pelo escritório de arquitetura Cook+Fox e construído pela Tishman Construction Corporation, o Bank of America Tower, em One Bryant Park,Manhattan, Nova York, é considerado uma das mais eficientes arquiteturas do mundo. O projeto da torre de escritórios, concluída em 2009, custou US $ 1 bilhão, tem 54 andares, 365 m de altura e 196 mil m² de área. A maior parte das matérias-primas utilizadas em sua construção são provenientes de fontes renováveis e recicláveis, obtidas a no máximo 500 km de New York, em consonância com o que aideologia de construção sustentável pratica. 

Council House 2, Melbourne, Austrália

O primeiro edifício de escritórios australiano a receber a classificação Six Green Stars pelo Green Building Council da Austrália, conhecido como CH2, que custou AU$ 50 milhões, foi projetado pelo escritório de arquitetura Mick Pearce com Design Inc., e finalizado em 2006. Com 12.536 m² e dez pavimentos, apresentadesign sustentável e eficiência energética, recebendo a certificação por possuir arrefecimento de massa térmica, células fotovoltaicas, turbinas eólicas, reciclagem de esgoto, tetos refrigerados e venezianas de madeira reciclada, equipadas com células fotovoltaicas, que acompanham o sol, promovendo um ambiente interno mais saudável e produzindo 64% menos CO2, se comparado à edificação anterior. Aprefeitura estima que o investimento se auto pague em 10 anos.

30 The Bond, Sydney, Austrália

Construída sobre o antigo gasômetro local, cuja área teve que ser recuperada, a obra também alcançou cinco estrelas do Green Star and Australian Building Greenhouse Rating Scheme (ABGR), por utilizar ventilação natural, feixes de refrigeração passiva, fachadas sombreáveis, cobertura ajardinada complantas resistentes à seca, e propiciar vistas a 60% de seus ocupantes.

BMW Welt, Munique, Alemanha

 A praça de 73 mil m² e 47,88 m de largura, com forma de duplo cone, que fornece suporte para a cobertura de uma forma bastante impressionante, é sem dúvida, a característica de destaque do projeto.
No telhado do edifício, o conjunto de placas fotovoltaicas, produzidas na Alemanha pelaSolarwatt, abastece o edifício com no mínimo 824 kWp de energia, e a rede de painéis de aço que capta o calor, conduzindo-o para a fachada de aço e vidro, ajuda no condicionamento do ar interno do edifício. Dentro do cone, uma espécie de túnel espiralado incentiva a ventilação natural, através de aberturas controladas automaticamente.

Clinton Presidential Library, Little Rock, Arkansas, Estados UnidosO edifício que abriga um museu e biblioteca de 1.900 m², considerado uma das construções mais verdes do mundo, recebeu certificações LEED Sylver e Platinum por vários detalhes. Um deles é a cobertura verde - onde também estão painéis solares -, pensada para absorver carbono, reduzir escoamento pluvial e regular a temperatura, além da maior capacidade de reciclagem, limpeza verde, redução dodesperdício através do abastecimento local e compensação de carbono de toda a energia não renovável utilizada. Pode-se destacar também o piso feito de pneu reciclado.

New York Times, New York, Estados Unidos

O edifício com 148.644 m² e 52 pavimentos é promovido como uma estrutura verde, embora não seja certificado pelo LEED. Este é o primeiro edifício construído nos Estados Unidos em cortina devidro ultra-clear Low-e, que maximiza a luz, e tubos de cerâmica solar que funcionam como um brise. Máscaras mecanizadas, controladas por sensores, reduzem o ofuscamento da luz solar, enquanto mais de 18 mil luminárias fluorescentes dimerizáveis individualmente suplementam a luz natural, proporcionando uma economia de energia real de 30%. O prédio também incorpora resfriamento de ar-livre,...
tracking img