As desigualdades sociais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1256 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SOCIOLOGIA



Trabalho apresentado ao Curso administração da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a disciplina de SOCIOLOGIA


Professor: Wilson Sanches








Januaria

2010
















1-Sociologia, Um olhar Crítico.
Autoras: Silvia Maria de Araújo
Maria Aparecida Bridi
Benilde LenziMotim
“O trabalho para viver”
Paginas 45 a 75
O trabalho para viver










2-Apresentação

Este texto visa o trabalho como fonte de vida, fonte de riquezas e fonte de desigualdades sociais ou seja os diversos sentidos do trabalho.
Nos mostra as varias maneiras que surgem oportunidades de empregos em nossas vidas, muitas dolorosas,outras mais leves,outras exigem mais e outrasexigem menos.
Nos mostra o significado do sentido e o valor do trabalho, a maneira de como as pessoas se relacionam.Nos faz comparar a maneira que era exercido o trabalho antigamente e em tempos atuais.
A divisão do trabalho na sociologia Clássica.
A crise em relação ao trabalho.
Os direitos trabalhistas.



Conteúdo - Parte 1O trabalho tem deixado e deixa marcas tanto no corpo, como na mente dos trabalhadores.

Segundo DEJOURS 1992 Em muitas situações o trabalho é sofredor.
A existência de variedades de trabalho em que muitos recebem ótimos salários e outros péssimo salário.

Em outros tempos o trabalho era associado à escravidão,cansaço,castigo,e os que tinham a vida livre sealimentavam de frutos que colhiam da própria natureza,viviam da caça,e outras atividades.

As mudanças que ocorreram com A DIVISÃO DO TRABALHO NA SOCIOLOGIA CLÁSSICA, em que o trabalho dividido e alienado, caracterizou-se como trabalho assalariado,valorizou a mercadoria.A ciência e a tecnologia transformou os bens como auxílio dos desenvolvimentos das forças produtivas,o qual cresceram emudavam muito as exigências da produção material e o perfil do trabalhador.

O sistema de Organização que constituiu o Taylorismo que possibilita o controle e a mecanização do processo de trabalho, a nova divisão internacional do trabalho e os direitos trabalhistas.




Parte 2


Existem pessoas que nascem numa camada social maisbaixa e podem alcançar, com o decorrer do tempo,uma posição mais elevada.No entanto, mesmo essas pessoas usando de toda a sua capacidade e de todos seus esforços ,elas conseguem alcançar uma posição social mais elevada.Nesses casos a posição social é atribuída a essas pessoas por ocasião do nascimento,independentemente de sua vontade e sem perspectativa de mudanças.Essas pessoas carregam consigo,portoda a vida,a posição social herdada e é justamente por isso que afirmamos que o trabalho tem deixado marcas,tanto no corpo como na mente dos trabalhadores.A sociedade indiana é um exemplo pois é fechada e sem possibilidade de mudança social.Em uma sociedade de castas por exemplo grande parte das profissões é hereditária,mesmo que sofredor,são sociedades que não aceitam mudanças;mudanças poderiamaté ocorrer mas normalmente as pessoas não tinham interesses.
Antigamente, a forma de trabalho era de uma maneira muito estressante,além de exercer o trabalho escravo,eles enfrentavam o preconceito,pois apesar dos seus esforços,a maneira que eles eram tratados era uma forma de discriminação,preconceitos.

Segundo DEJOURS 1992 Em muitas situações o trabalho é sofredor.
Aexistência de variedades de trabalho em que muitos recebem ótimos salários e outros péssimo salário.Infelizmente existem empresas que exigem certos perfis ao trabalhador e muitas vezes ele se sente inseguro e até mesmo constrangido porque as exigências traz situações estressantes,e muitos mesmo sabendo que o seu trabalho não é valorizado e sim explorado,acabam aceitando a situação por não ter...
tracking img