ARtigo

Páginas: 28 (6974 palavras) Publicado: 16 de março de 2015
Maria Abádia da Silva

DO PROJETO POLÍTICO DO BANCO
MUNDIAL AO PROJETO POLÍTICO-PEDAGÓGICO
DA ESCOLA PÚBLICA BRASILEIRA
MARIA ABÁDIA DA SILVA*
RESUMO: Este artigo analisa as relações estabelecidas entre a equipe
de diretores, técnicos e conselheiros do Banco Mundial, autores de
um projeto político para a educação pública que conta com a conivência da equipe brasileira do Ministério da Educação(MEC). A autora revela as relações de poder entre as equipes e afirma que ocorre
uma apropriação das estruturas institucionais educacionais do país
por meio do desenvolvimento de projetos, programas e planos que
alcançam o interior da escola pública, entre eles o projeto político-pedagógico.
Palavras-chave: Banco Mundial. Políticas educacionais. Projeto político-pedagógico.
FROM THE POLITICALPROJECT OF THE WORLD BANK

TO THE POLITICAL-PEDAGOGIC PROJECT OF BRAZILIAN PUBLIC SCHOOLS

ABSTRACT: This paper analyzes the relationships amongst the following groups: the World Bank’s directors, technicians, and counselors who promoted a political project for public education supported by the Brazilian group, from the Department of Education
(MEC). The author points out the power the relations betweenboth
sides and the appropriation of the Brazilian institutional structures
of education through the development of projects, programs, and
plans that reach the inner environment of public schools, one of
which is the political-pedagogic project.
Key words: World Bank. Educational policies. Political-pedagogic
project.

*

Doutora em educação pela Faculdade de Educação da Universidade Estadual deCampinas
(UNICAMP) e professora adjunta da Faculdade de Educação da Universidade de Brasília (UNB).
E-mail: abadia@unb.br

Cad. Cedes, Campinas, v. 23, n. 61, p. 283-301, dezembro 2003
Disponível em

283

Do projeto político do Banco Mundial ao projeto político-pedagógico da escola...

Introdução
urante os dez anos que trabalhei na rede estadual paulista, nomunicípio de Campinas, São Paulo, tive que enfrentar contínuas
situações de desconforto diante de regras definidas fora da escola, com a finalidade de alterar sua própria dinâmica, sem que o conjunto
de professores tivesse a oportunidade de discuti-las primeiramente.
Mesmo sabendo das possíveis resistências por parte dos docentes, tem
sido uma prática constante introduzir novos projetos e novos programasna estrutura do sistema educacional, prescindindo-se da necessária inserção dos professores nas discussões preliminares.
A sociedade brasileira, historicamente, alimentou práticas autoritárias e patrimoniais, decisões elaboradas pelo alto por um grupo de
“iluminados” e “sábios” que se diziam porta-vozes daquilo que a escola
pública brasileira mais precisava. Essas práticas persistem e ainda estãopresentes no cotidiano das escolas das grandes cidades ou de municípios
do interior dos estados. A concepção de gestão racional do sistema educacional brasileiro, ainda hoje, revitaliza o autoritarismo, a verticalidade,
o gerenciamento, o apadrinhamento e o clientelismo nas relações sociais
e políticas.
Tem sido também uma prática aproveitar-se do momento de
mudança de mandatos de governos ou desecretários de Educação para
se criar novos programas, projetos e planos, com o intuito de dar cara
nova à gestão, quase sempre sem avaliar os resultados anteriores, induzindo à descontinuidade da própria dinâmica escolar. No entanto, as
informações sobre os projetos, programas e planos elaborados pelo novo
governo ou por seus secretários são examinadas rapidamente por técnicos da própria secretariaou por técnicos indicados ad hoc. Geralmente
são esclarecimentos sobre o preenchimento dos formulários, prazos de
entrega dos documentos e demais obrigações que a escola deve conferir
para estar em dia com as exigências da Secretaria de Educação.
Há alguns anos, venho estudando a questão da intervenção e
atuação do Banco Mundial nas instituições educacionais e científicas do
país. Na presente...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Artigo
  • Artigo
  • artigo
  • ARTIGO
  • artigo
  • ARTIGO
  • Artigo
  • artigo

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!