Artigo nefrologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4959 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
MAIKON DE MELO OLIVEIRA













HIPERTENSÃO ARTERIAL E A INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA: UMA REVISAO DE LITERATURA

























TERESINA

2012

MAIKON DE MELO OLIVEIRA



























HIPERTENSÃO ARTERIAL E A INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA: UMA REVISAO DE LITERATURAArtigo Científico apresentado como requisito parcial à obtenção do grau de Especialista em Nefrologia, Curso de Pós-Graduação em Nefrologia Multidisciplinar, IBPEX – Instituto Brasileiro de Pós Graduação e Extensão S/S Ltda.

Orientador (a): Shirlei Marly Alves













TERESINA

2012

HIPERTENSÃO ARTERIAL E A INSUFICIÊNCIA RENALCRÔNICA: UMA REVISÃO DE LITERATURA

Maikon de Melo Oliveira[1]

Shirlei Marly Alves[2]

RESUMO



A hipertensão arterial sistêmica (HAS) faz parte de uma das doenças não transmissíveis de grande impacto na sociedade brasileira e de grande importância na saúde pública, acometendo cerca de 25% da população e estima-se que 62% da doença cerebrovascular e 49% das coronariopatias isquêmicas podem seratribuídas à HAS. Para tanto, como consequência da HAS não diagnosticada e não tratada surgem outras enfermidades que atacam órgãos alvo, dentre os quais os rins, favorecendo a insuficiência renal. O estudo trata-se de uma revisão bibliográfica feita através de leituras e analises de artigos e pesquisas publicadas nos demais sites de publicação cientifica, com o objetivo de listar as principaiscausas de Insuficiência Renal Crônica e seu conceito, destacando as relações da vida cotidiana de clientes renais, em tratamento hemodialítico. No decorrer da pesquisa, percebeu-se que a HAS contribui de forma direta para o desencadeamento da IRC, demonstrando assim, a real importância da participação do profissional enfermeiro e de suas condutas visando, não somente o controle dos desequilíbriosfisiopatológicos, mas também focalizando os aspectos biopsicossocioespirituais somando-se a Sistematização da Assistência de extrema importância para que o cuidado prestado ao paciente com IRA e/ou IRC desde a atenção básica aos tratamentos especializados seja eficiente e individualizado.


Palavras-chave: Hipertensão. Insuficiência Renal Crônica. Prevenção. Hemodiálise. Diálise.ABSTRACT



High blood pressure (HBP) is part of a non-communicable diseases of major impact on Brazilian society and of great importance in public health, affecting approximately 25% of the population and it is estimated that 62% of cerebrovascular disease and 49% of ischemic coronary heart disease can be attributed to hypertension. Therefore, as aconsequence of hypertension undiagnosed and untreated arise other diseases that attack the target organs, among which the kidneys, favoring renal failure. The study this is done through a literature review and analysis of readings and research articles published in other scientific publishing sites, aiming to list the main causes of Chronic Kidney Disease and its concept, highlighting the relationships ofeveryday life customers renal hemodialysis. During the research, it was found that hypertension contributes directly to trigger IRC, thus demonstrating the importance of real involvement of nurses and their behavior in order not only to control the pathophysiological imbalances, but also focusing on the biological, psychological, social and spiritual aspects adding to care Systematization ofextreme importance for the care provided to patients with ARF and / or IRC provided primary care to specialist treatment is effective and individualized.



Key Words: Hypertension. Chronic Renal Failure. Prevention. Hemodialysis. Dialysis.
















1 INTRODUÇÃO



De acordo com o Ministério da Saúde (MS, 2006), a Hipertensão Arterial Sistêmica (HAS) é a uma...
tracking img