Artigo de etica empresarial

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 24 (5772 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ARTIGO

A NECESSIDADE OBSERVÂNCIA DA ÉTICA EMPRESARIAL COMO PILAR DA ECONOMIA GLOBALIZADA E OS ATOS INTERNACIONAIS SOBRE A MATÉRIA. PELAS EMPRESAS COMO RESULTADO DAS IMPOSIÇÕES ECONÔMICAS E JURÍDICAS INTERNACIONAIS.



Joaquim Manhães Moreira




1. Ética empresarial.
2. Conceito e breve relato da evolução histórica.
1. Preceitos básicosaplicáveis a todas as atividades da empresa.
2. Preceitos éticos aplicáveis às relações com clientes.
3. Preceitos éticos aplicáveis às relações com fornecedores.
4. Preceitos éticos aplicáveis às relações com concorrentes.
5. Preceitos éticos aplicáveis às relações com empregados.
6. Preceitos éticos aplicáveis às relaçõescom governantes.
7. Preceitos éticos aplicáveis às relações com a sociedade em geral.
3. Imposições econômicas internacionais.
4. Imposições jurídicas internacionais.
1. A ética nas cláusulas de contratos internacionais privados.
2. A Lei norte-americana (FCPA).
3. A Convenção de Caracas de 29.3.96.4. A Resolução da ONU de 28/1/97.
5. A Convenção da OECD em vigor desde 15.02.1999
1. Países signatários
2. Conceitos materiais (deontológicos) acordados
Ações e procedimentos acordados
5. ConclusõesSUMÁRIO :1. Ética empresarial. 1.1 Conceito e breve relato da evolução histórica. 1.2 Preceitos éticos aplicáveisàs relações com clientes. 1.3 Preceitos éticos aplicáveis às relações com fornecedores. 1.4 Preceitos éticos aplicáveis às relações com concorrentes. 1.5 Preceitos éticos aplicáveis às relações com empregados. 1.6 Preceitos éticos aplicáveis às relações com governantes. 1.7 Preceitos éticos aplicáveis às relações com a sociedade em geral. 2. Imposições econômicas internacionais. 3. Imposiçõesjurídicas internacionais. 3.1 A ética nas cláusulas de contratos internacionais privados. 3.2 A Lei norte-americana (FCPA). 3.3 A Convenção de Caracas de 29.3.96. 3.4 A Resolução da ONU de 28/1/97. 4. A Convenção da OECD em vigor desde 15.02.1999. 4.1 Países signatários 4.2 Conceitos acordados. 5. Conclusões.




1. Ética Empresarial

1. Conceito e breve relato da evolução histórica

Aexpressão “ética empresarial” está sendo cada vez mais aceita e utilizada na acepção de conjunto de preceitos morais e de responsabilidade social a serem observados pelas organizações reconhecidas como empresas.
Em cada uma dessas organizações alguém (denominado empresário) reúne os três fatores técnicos da produção – a natureza, o capital e o trabalho – para produzir um bem ou um serviço. Esse bemou serviço é oferecido pela organização ao mercado, que os adquire. A organização obtém, então, da diferença entre o preço de venda e o custo de produção, o proveito monetário denominado “lucro”. Portanto, o desenvolvimento de uma atividade visando o lucro integra o conceito de “empresa”.
Essa característica de organização lucrativa, gerou sempre a desconfiança da eventual impossibilidadede se conciliar as suas práticas com os conceitos éticos.
O fato da empresa ser uma organização lucrativa fez com que durante muitos anos os pensadores, estudiosos, empresários e a sociedade em geral aceitassem as suas atividades sem cobrar dela qualquer tipo de preocupação com a ética. A busca do lucro como objetivo parecia totalmente inconciliável com a idéia de comportamento ético. Essanoção errada teve origem nas sociedades antigas, cujos sistemas econômicos migraram da simples troca para a da relativa liberdade de atuação dos agentes. Na economia de troca atribuía-se o mesmo valor aos bens trocados. O criador de ovelhas contentava-se em oferecer cinco ou seis delas ao tecelão que lhe compensava com uma peça de vestuário.
Nessas sociedades antigas a memória da economia de...
tracking img