Arteriosclerose

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1749 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS

Eduarda Cardoso Marinho
Marcela Remedio Inacarato
Nayra de Cássia da Silva Delfante
Ramonielle Alves dos Santos
Vitor Queiroz Araújo

Arteriosclerose

Alfenas/MG
2011
Eduarda Cardoso Marinho
Marcela Remedio Inacarato
Nayra de Cássia da Silva Delfante
Ramonielle Alves dos Santos
Vitor Queiroz Araújo

Trabalho apresentado como requisito parcial deavaliação à disciplina de Patologia, ministrada pelo professor Antônio Camilo de Souza Cruz, no Curso de Farmácia da Universidade Federal de Alfenas.
-------------------------------------------------

Alfenas/MG
2011
Sumário
Introdução4
Desenvolvimento5
1. Aterosclerose5
2. Calcificação da Média de Mӧnckeberg8
3. Arteriolosclerose8
Conclusão10
Referências Bibliográficas......................................................................................11

Introdução

O termo Arteriosclerose (do grego Era, ar; Terein, conservar; Skleros, duro, e Ose, estado) é empregado para designar três doenças que cursam com espessamento e endurecimento da parede arterial.
Essa enfermidade acomete grande parcela da população mundial atualmente e ela pode favorecer eventoscomo Acidente Vascular Cerebral, aneurismas na aorta, infarto cerebral, dor abdominal e infarto intestinal, doença arterial coronária e arteriosclerose das extremidades. Sendo assim, a arteriosclerose merece atenção especial.
Com a formação de coágulos, devido à deposição colesterol, cálcio, tecido fibroso e células musculares, há a obstrução e/ou o endurecimento de artérias e a consequentediminuição do fluxo sanguíneo. Os sintomas, que geralmente aparecem em estágios avançados da doença, dependem do local de onde ocorre tal processo.
Aumenta-se o risco da doença com a hipertensão, a diabetes, a má alimentação, o tabagismo, o sedentarismo e a obesidade. A progressão da doença pode ser diminuída, portanto, com mudanças no estilo de vida e com acompanhamento médico.

DesenvolvimentoArtérias são tubos que transportam o sangue do coração para os demais tecidos e para o próprio coração. Na arteriosclerose, ocorre o endurecimento ou o estreitamento desses tubos, devido à formação de placas de gordura e à deposição de sais de cálcio e de tecido fibroso em suas paredes.
A arteriosclerose pode ser dividida em três doenças, que são elas:
1. Aterosclerose
2. Calcificação eEsclerose da média de Mӧnckeberg
3. Arteriolosclerose com duas variantes
3.a. Hialina
3.b. Hiperplásica

1. Aterosclerose
A aterosclerose é uma doença que pode não apresentar sintomas durante anos. Ela consiste no acúmulo de gordura na parede das artérias, o que provoca o estreitamento dessas, diminuindo o fluxo sanguíneo e podendo originar complicações cardiovasculares.
Aslesões geradas são classificadas em seis tipos. A lesão inicial (tipo I) é representada pelo acúmulo de lipoproteínas e poucos macrófagos contendo lipídeos (células espumosas) na íntima. Ocorrem discretas alterações, preferencialmente nas artérias elásticas (aorta) e nas musculares (coronárias).
A estria lipídica (tipo II) é uma progressão da primeira, na qual já ocorrem alterações macroscópicasmarcadas pela presença de áreas planas e amareladas bem delimitadas na íntima. Microscopicamente, pode ser visualizado grande número de células espumosas, sobretudo macrófagos, algumas células musculares lisas, lipídeos extracelulares e linfócitos T.
Na lesão intermediária ou tipo III, a placa pré-ateromatosa é resultado da progressão anterior, com acúmulo de lipídeos extracelulares na lesão, contudosem a formação de um grande núcleo central com lipídeos extracelulares .
Na lesão tipo IV, a placa de ateroma já está formada, apresenta-se arredondada, com coloração amarelada e consistência macia, voltada para a luz vascular e recoberta por uma capa fibrosa densa. É formada por um material amorfo, correspondente a um centro necrótico composto por restos celulares e material lipídico...
tracking img