Arte e entreterimento (cultura e mercado)

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (427 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Arte e entretenimento
Ketelen Silva| quarta-feira, 20 de junho de 2012

Destaca - se a publicação de nossos primeiros romances pelos folhetins nos grandes jornais da época e a formação de umpúblico leitor ansioso por uma narrativa envolvente, composta de personagens reconhecíveis e um cenário cotidiano. Desenvolveu-se assim no final do século XIX, no Brasil, a literatura como entretenimento eprofissão, afinal muitos escritores viviam de seu próprio trabalho que era acompanhado com interesse por inúmeros leitores assíduos dos jornais, sobretudo as mulheres. A narrativa fluente quefacilmente se ajustava ao gosto do leitor comum era a forma naturalmente imposta por aquele tipo de publicação, o que levou muitos autores a se aperfeiçoarem em um estilo repleto de peripécias e de enredosadequados ao espaço diário ocupado nos jornais por este tipo de publicação.

O Modernismo, por sua vez, rompeu com essa estrutura de obra digerível por todos, ao lançar-se em experimentos temáticos ede recriação da linguagem abrindo caminhos para diversas linhas evolutivas trilhadas pela literatura brasileira no decorrer do século XX. Para Flávio, a literatura produzida hoje teria, portanto, umvínculo evidente com aquela produzida no final do século XIX, na medida em que hoje o entretenimento tornou-se um dos aspectos da vida atual determinantes da sensibilidade do leitor, o que não implicanecessariamente em qualidade inferior ou literatura “menor”.

A distinção muitas vezes discutível e até mesmo preconceituosa para muitos, entre literatura de entretenimento, portanto de baixaqualidade, e literatura canônica, portanto de alta qualidade, pode levar a uma compreensão falsa do fenômeno do prazer da leitura no mundo atual. A lógica do entretenimento perpassa praticamente todas asrelações sociais em uma sociedade midiática fundamentada na comunicação. Até mesmo os jornais televisivos transformaram-se, adequando-se à necessidade de “entreter” a platéia e não mais apenas...
tracking img