Arquitetura Vernacular

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1189 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de novembro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
VERNACULAR

Arquitetura vernacular é todo tipo de arquitetura
sem arquiteto construída com materiais e técnicas
naturais ao ambiente onde vai ser feita a obra. Pode
adquirir caráter regional ou local.
Etimologicamente, a palavra
“vernácula”
provém
de
vernae, que correspondia a
tudo que se relacionava, na
Roma antiga, aos “servos
nascidos em casa ou aos
escravos que se faziam nasguerras”.
Assim,
por
exemplo, vernácula era a
língua vulgar que se
contrapunha à heroica ou
poética.

A arquitetura vernacular é a representação da
técnica construtiva e da ideologia global de uma
determinada cultura, tendo como referências a
tradição local e a sabedoria popular. Trata-se de
uma forma de apropriação do meio. Em sua
construção, o vernáculo pode fornecer formas“ideais”, ajustadas ao contexto, clima, energia e
condições ecológicas Foi justamente isto que
chamou a atenção dos arquitetos contemporâneos.

O interesse por essa
arquitetura dita “produto
popular” é relativamente
recente.
Antes
menosprezada
pelos
estudiosos, passou hoje a ser
alvo
de
pesquisa
e
questionamento. Percebeuse então que o termo
vernáculo não conseguia
abarcar em seusignificado
todas
as
proposições
referentes a esta produção,
devido à contraposição da
arquitetura
utilizada
formalmente que é a
erudita.

Palafita: sistema construtivo usado em edificações localizadas em regiões
alagadiças cuja função é evitar que as casas sejam arrastadas pela correnteza dos rios. As
Palafitas são comuns em todos os continentes sendo que em áreas tropicais e equatoriais
dealto índice pluviométrico é maior. São construções sob-pilotis de madeira muito
utilizada nas margens dos rios, na Amazônia, áreas do Pantanal do Brasil, e em países da
África e Ásia. Acredita-se que a palafita tenha surgido no período neolítico.

Dependendo
das
regiões,
as
construções sobre palafitas podem empregar o
uso de barro e ser confeccionadas
em palha, madeira e ramos trançadosno piso de modo aceitar um revestimento
de Argila, possibilitando desta forma o uso
do fogo em seu interior. Com uma plataforma
em
sua
base
montada
sobre caibros e estacas evitavam-se as
inundações.

Iglu:
é
um
abrigo
de neve utilizado por seres humanos
que habitam em zonas de frieza
extrema. Este abrigo requer a “neve
endurecida”
achada
em
áreas
desarborizadas que podemser cortadas
em
blocos.
Protege
contra
as temperaturas extremas do ar livre.
O calor é provido pelo calor de corpo
dos habitantes ou fontes de calor como
uma fogueira. Alguns iglus são tão
grandes que podem hospedar várias
pessoas, mais de 15 até, seu interior
mantém
uma
temperatura
tão
agradável que é possível ficar nu
dentro deles, os blocos de gelo ao invés
de resfriarem ointerior conservam a
temperatura, e ainda quando se acende
uma fogueira dentro, ajuda a esquentar
ainda mais o ambiente.

Os iglus se tornam cada vez mais resistentes conforme as tempestades de neve
ocorrem ou quando ocorrem geadas, de forma a fazer com que os blocos de gelo fiquem
cada vez mais resistentes e grossos.
A arquitetura dos iglus é um tanto quanto interessante, há duas formas deconstruir, uns são construídos cavando uma parede de neve sentido ao chão, outra
forma, e mais tradicional é feito cortando as pedras de gelo e as colocando uma sobre as
outras, as pedras que ficam no teto, são cortadas de forma a parecer um prisma com a
ponta reta, ou seja, sem ponta, algo parecido com isso desta forma, as pedras encaixadas
de forma correta, evita com que o teto ceda, mesmo semuma coluna de sustentação,
uma pedra se apoiando na outra.

Taipa de Pilão: é a
técnica de construção com terra
crua mais antiga, trazida ao Brasil
pelos portugueses. Uma mistura
feita com terra, areia ou argila,
estabilizante, cal, baba de cupim
sintética e cimento é apiloada
(socada com pilão) em camadas
dentro de uma fôrma tornando-se
um bloco em forma de tijolo. No
Brasil,...
tracking img