Arquitetura, luz e liturgia: um estudo da iluminação nas igrejas católicas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 105 (26093 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Federal do Rio de Janeiro
Faculdade de Arquitetura e Urbanismo
UFRJ/FAU/PROARQ

ARQUITETURA, LUZ E LITURGIA: UM ESTUDO DA ILUMINAÇÃO NAS IGREJAS
CATÓLICAS

Eliva de Menezes Milani

Rio de Janeiro, RJ
2006

.

UFRJ

ARQUITETURA, LUZ E LITURGIA: UM ESTUDO DA ILUMINAÇÃO NAS IGREJAS
CATÓLICAS

Eliva de Menezes Milani

Dissertação de Mestrado apresentada ao programade
Pós-graduação em Arquitetura, Faculdade de Arquitetura
e urbanismo, da Universidade Federal do Rio de Janeiro,
como parte dos requisitos necessários à obtenção do
título de Mestre em Ciências em Arquitetura, área de
concentração em Conforto Ambiental e Eficiência
Energética.

Orientador: Aldo Carlos de Moura Gonçalves

Rio de Janeiro, RJ
Março / 2006

M637 Milani, Eliva de MenezesArquitetura, luz e liturgia: um estudo da iluminação nas
igrejas católicas / Eliva de Menezes Milani.– Rio de Janeiro:
UFRJ/FAU, 2006.
114f.: il.; 29,7 cm.
Orientador: Aldo Carlos de Moura Gonçalves
Dissertação (Mestrado) – UFRJ/PROARQ/ Programa de
Pós-graduação em Arquitetura, 2006.
1. Iluminação. 2. Arquitetura Religiosa. 3. Igreja Católica.
I.Gonçalves, Aldo Carlos de Moura. II.Universidade Federal
do Rio de Janeiro, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo,
Programa de Pós-graduação em Arquitetura. III. Título.
CDD 621.321

ARQUITETURA, LUZ E LITURGIA: UM ESTUDO DA ILUMINAÇÃO NAS IGREJAS
CATÓLICAS

Eliva de Menezes Milani

Orientador: Aldo Carlos de Moura Gonçalves
Linha de pesquisa: Luz e espaço.
Dissertação de Mestrado submetida ao Programa de Pós-graduação emArquitetura,
Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, da Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ,
como parte dos requisitos necessários à obtenção do título de Mestre em Ciências em
Arquitetura, área de concentração em Conforto Ambiental e Eficiência Energética.
Rio de Janeiro, 14 de março de 2006.
Aprovada por:

-----------------------------------------------------Prof. Aldo Carlos deMoura Gonçalves, D.Sc
Prof. Adjunto – FAU/UFRJ (orientador)

-----------------------------------------------------Prof. Eunice Bomfim Rocha, D.Sc
Prof. Adjunto – FAU/UFRJ

-----------------------------------------------------Prof. Maria Maia Porto, D.Sc
Prof. Adjunto – FAU/UFRJ

-----------------------------------------------------Prof. Mirian de Carvalho, D.Sc
Prof. – IFCS/UFRJ

Dedicoeste trabalho aos meus pais, Wanderley e Elisabeth (in memoriam), com quem
aprendi a ter persistência na busca de meus objetivos. Dedico especialmente ao Angelo,
esposo e companheiro, por ter-me estimulado a construir esta trajetória acadêmica na vida
profissional.
Aos professores e colegas que participaram de minha formação, desde os primeiros tempos
de universidade.
Aos colegas com quemcompartilho o trabalho.
Aos amigos, pela compreensão em minha ausência nos momentos de estudo.

AGRADECIMENTOS

Ao professor orientador Aldo Gonçalves, pela confiança e incentivo.
Aos professores que de alguma forma contribuíram na elaboração desta dissertação.
Ao pe. Domingos Ormande, por compartilhar seus conhecimentos sobre liturgia na igreja
católica.
À arquiteta Regina Machado, que naparceria em projetos e reformas, contribuiu no
aprendizado sobre o edifício-igreja.
À minha família e amigos que sempre me incentivaram nos estudos.

A igreja precisa de arte
“Para transmitir a mensagem que Cristo lhe confiou,
a Igreja tem necessidade de arte. De fato, deve
tornar perceptível e o mais fascinante possível o
mundo do espírito, do invisível, de Deus. Por isso,
tem detranspor para fórmulas significativas aquilo
que, em si mesmo, é inefável. Ora, a arte possui uma
capacidade muito própria de captar os diversos
aspectos da mensagem, traduzindo-os em cores,
formas, sons que estimulam a intuição de quem os
vê e ouve. E isso, sem privar a própria mensagem de
seu valor transcendente e de seu halo de mistério.
[...] A Igreja precisa de arquitetos, porque tem...
tracking img