Argumentativo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 66 (16472 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Pela primeira vez, em 2010, a crônica foi incluída entre
os gêneros textuais que fazem parte da Olimpíada de Língua
Portuguesa Escrevendo o Futuro.
Notícia ou texto literário? Por apresentar múltiplas facetas,
mais do que um gênero textual, a crônica traz um olhar
particular. Ao recortar cenas do cotidiano, o autor ilumina
situações, fatos, dando-lhes destaque, atribuindo-lhes um
novosentido. O que poderia passar despercebido torna-se
encantador, envolvente, surpreendente, marcante.
Ao contrário do que parece, a criação de uma crônica não é
tarefa simples. Construir um sensível olhar pensante,
selecionando e amarrando os detalhes, é o primeiro passo
para elaborar um texto interessante que transporta o leitor
para a perspectiva do escritor.
Sensações, observações,lembranças e casualidades se
misturaram: nossos jovens cronistas identificaram personagens
pitorescos, construíram novos sentidos para experiências
cotidianas e passaram a valorizar o lugar onde vivem.
Os alunos aceitaram o desafio de trazer fragmentos da realidade
e do cotidiano para serem transformados em palavra escrita.
Ao ler essas crônicas, você terá a oportunidade de conhecer
um pouco do modode ser e viver através das lentes de alunos
das escolas públicas brasileiras dos quatro cantos do país.

Crônica

Sumário

138 Agradando a gregos e troianos

Giovanna Scalabrini Antunes

140 Ah! Quantas primaveras!

Bárbara Maria Carneiro da Silva

142 As cidades

Danielly Cristine Justino da Silva

143 A quadra velha

Gabriel Batista da Silva

144 Até na igreja, Evaristo?Carlos Eduardo Silva

146 A cobrança descabelada

Maria Jéssica Carneiro

148 A Pipa, o Bispo e o Azul

Ericles da Silva Santos

150 Bar doce bar

Luana Jaques Santos

152 Beleza cega

Pedro Kennedy Oliveira de Sousa

154 Belezas da Cidade Mel

Jonas Teixeira Ignácio

156 Caminho das águas

Victória Cristina Rodrigues

158 Casos, cantos e encantos

Thamires LuizaLemos Pratt da Silva

160 Castelo Branco agora é feira

Thamirys Lima do Amaral Silva

162 Cidade maternal

184 O quadrado

163 Descoberta inocente

185 O relógio não parou

164 Distante dos olhos... e perto do coração?

186 O sino de história

166 Em busca da sorte

188 O toque, o fascínio... o lugar

168 Entre o céu e a terra

190 Quando o amor floresce de um ipê

169 Fimde jogo

192 Que barulho é esse?

170 Espetáculo

193 Relíquias

172 Eu, tu, eles e nós

194 Um dia diferente

174 O afago inesperado

196 Um nó na garganta... Um grito...

176 O armário

197 Velha casa

178 O contador de risos

198 Viva a fila!

180 O galho, o suspiro e o pulo

200 Zumbis urbanos

Lucas Martelli de Medeiros Silva
Milene Cristina Alves Cantor
AnaLaíse Rocha Ribeiro
Scheila Tatiane Teider
Stefany Ohana Cardoso dos Santos
Matheus da Costa Souza
Tâmisa Schneider
Sara Viviane Almeida de Oliveira
Caroline de Farias Couto da Silva
Fabrício Miguel dos Santos
Johnatan Rodrigues Rosa
Antônio Rafael Moraes Vidal

182 O maltrapilho

Mikaelle Stephanie Pereira Martins

Larissa Carolina Durings
Jéssica Fernanda Feitosa de Melo
LetíciaStasiok
Ana Maria Cedraz Oliveira
Taiana Cardoso Novais
Bruno Herklotz

Maria Cecília Lopes da Silva
Elaine Gums

Samyla da Silva Nogueira
Jamila de Souza Azevedo

Diéssica dos Santos Rodrigues
Tassya Mariane da Silva

Agradando a gregos e troianos
Aluna: Giovanna Scalabrini Antunes

138

Moro em Maringá praticamente desde que nasci e poderia dizer que cidade mais
bela não há(limpa, arborizada, poucos crimes, muitos empregos...), não fosse pela
rodoviária velha maldemolida.
Há um tempo atrás a prefeitura ordenou a demolição, pois o prédio estava condenado, mas os funcionários pararam o serviço na metade (por questões políticas,
quem sabe...).
Reza a lenda que em um belo dia na prefeitura um vereador iniciou a seguinte
discussão:
— Senhor prefeito, acredito que...
tracking img