Areas de risco

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2050 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Generated by Foxit PDF Creator © Foxit Software http://www.foxitsoftware.com For evaluation only.

Mapeamento de Risco de Inundações em Assentamentos Irregulares
Mellyne Palmeira Medeiros IFPB, Campina Grande-PB, Brasil. UFPB, João Pessoa-PB, Brasil. melpalmeira@hotmail.com Fábio Lopes Soares UFPB, João Pessoa-PB, Brasil. flseng@uol.com.br Laís Alberto Pereira UFPB, João Pessoa-PB, Brasil.lais_alberto@hotmail.com

RESUMO: O presente estudo trata do Projeto Mapeamento de Risco e Educação Ambiental realizado pelo grupo de pesquisa em Engenharia Geotécnica (GEGEO) da Universidade Federal da Paraíba, que tem como intuito o levantamento dos riscos geotécnicos das áreas analisadas e a mobilização da comunidade a partir da educação ambiental. Para o desenvolvimento deste projeto, usamos ométodo dialético, pesquisa participativa e os procedimentos de cadastramento e mapeamento indicados pelo Ministério das Cidades e Instituto de Pesquisas Tecnológicas. Utilizaremos para exemplificação do processo, o estudo realizado na Comunidade do “S”, no município de João Pessoa. Situada em área de mangue, local de preservação permanente, com alto risco de enchentes e inundações que representamum dos principais tipos de desastres naturais que afligem constantemente a comunidade. Desta forma, esta pesquisa objetivou ser instrumento para contenção de riscos sofridos pela comunidade e ser utilizado como exemplo para iniciativas de políticas públicas que visem à mitigação dos efeitos dos riscos. Assim como, conscientizar a comunidade por meio de palestras sobre questões ambientais, atravésda explanação das situações de risco existentes, as suas causas e as alternativas de obras e ações para minimizá-los ou evitar situações semelhantes. Portanto, visando compartilhar as responsabilidades de monitoramento e prevenção com os moradores

da comunidade. PALAVRAS-CHAVE: Assentamentos Irregulares, Desastres Naturais, Mapeamento de Risco, Educação Ambiental.

1

INTRODUÇÃO

Nasúltimas cinco décadas, o Brasil experimentou um acelerado processo de desenvolvimento, passando de um país agrário a uma economia complexa. Em razão do êxodo rural, inicialmente, ocorreu uma urbanização caótica nas cidades e como conseqüência, muitos problemas surgiram, como por exemplo, o crescimento do déficit habitacional nos centros urbanos. A maior parcela da população brasileira está concentradana classe de baixa renda, sendo nela também identificados os maiores e mais complexos problemas, sejam eles culturais, sociais, econômicos e/ou ambientais. Dentre essas problemáticas destaca-se a dificuldade de acesso ao solo urbano e à moradia, na qual milhões de brasileiros acabam de instalando em ocupações informais e ilegais. Desta forma, surgem os assentamentos irregulares1 que se encontramlocados, na
1 Assentamentos irregulares ou informais é o termo utilizado pelo Ministério das Cidades para se referir as diversas formas de irregularidade fundiária. “Favelas,

Generated by Foxit PDF Creator © Foxit Software http://www.foxitsoftware.com For evaluation only.

maioria dos casos, em áreas de riscos ou em locais cujos efeitos da urbanização predatória podem interferir noecossistema. Segundo dados do IBGE, existem quase 12 milhões de pessoas morando em áreas sem infraestrutura, como favelas e palafitas. No Brasil, há 6.329 ocupações irregulares, como favelas, palafitas ou qualquer outro tipo de área invadida, com serviços públicos precários e problemas de urbanização. Estes dados mostram o aumento do número de pessoas vivendo em áreas de risco de escorregamentos,inundações e enchentes têm sido uma das características negativas do processo de urbanização e crescimento das cidades brasileiras. Em linhas gerais o problema de áreas de risco geológico e hidrológico nas cidades brasileiras pode ser controlado a partir de três enfoques distintos: eliminar e reduzir os riscos; evitar a formação de áreas de risco e conviver com o problema. No Brasil, os principais...
tracking img