Arco de manguerez

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1250 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO

Este trabalho tem por objetivo a elaboração do Arco de Maguerez, que se constitui como um ferramenta didática que estimula o desenvolvimento de saberes diversos, a partir de suas etapas que são: Observação da Realidade, Ponto-chave, Teorização, Hipóteses de Solução e Intervenção da Realidade. Para a construção do arco, os acadêmicos realizaram a observação da realidade docentro cirúrgico durante o período de estagio no Hospital da Santa Casa de Misericórdia de Goiânia. A partir dessa observação pode ser levantado problemas, passiveis ou não de intervenção, onde o grupo escolheu um tema, para realizar a revisão bibliográfica e a composição da Teorização.



























ARCO DE MAGUEREZ

1ª ETAPA: Observação da RealidadeDurante os dias 25 a 30 de agosto de 2011 estivemos no centro cirúrgico do Hospital Santa Casa de Misericórdia de Goiânia, sob supervisão da prof. Ms. Daniela. Permitindo-nos, a partir da observação crítica, levantar alguns aspectos que serão descritos abaixo.

– Alguns pacientes eram admitidos para o centro cirúrgico sem serem recebidos pelo enfermeiro
– Havia apenas 1 enfermeiropara o centro cirúrgico, sem ser realizado o papel assistencial do enfermeiro
– Materiais eram armazenados de forma inadequada
– Exposição dos pacientes durante o ato cirúrgico
– O grande número de pessoas no centro cirúrgico
– Número insuficiente de lavatórios
– Sala de cirurgias de marcapasso que deveria ser restrita, encontrava-se aberta
– Dispensa de materiaiscontaminados, é inadequada, necessitando passar em outra sala cirúrgica para os materiais serem dispensados
– Uso de adereços (brincos, relógios, pulseiras) pelos profissionais
– Falta de humanização durante o ato cirúrgico

Destacamos aqui que o último item citado, foi escolhido pelo grupo para compor o ponto-chave deste arco, e que será descrito a seguir.











2ªETAPA: Ponto-chave

O grupo escolheu como ponto chave a falta de humanização dos profissionais no centro cirúrgico. Quanto a este aspecto, observamos:

– Profissionais atendem o telefone celular durante o ato cirúrgico
– Profissionais fazem brincadeiras pejorativas durante o ato cirúrgico
– Exposição do paciente
– Não era realizado o acolhimento do paciente, afim detranquilizá-lo

Baseado no levantamento destes dados, e sabendo da importância da humanização para os profissionais da saúde, será realizada uma revisão bibliográfica para teorização do tema: Humanização no centro Cirúrgico.






















3ª ETAPA: Teorização

A humanização, requer um processo reflexivo acerca dos valores e princípios que norteiam aprática profissional, pressupondo, além de um tratamento e cuidado digno, solidário e acolhedor por parte dos profissionais da saúde ao seu principal objeto de trabalho – o doente/ser fragilizado –, uma nova postura ética que permeie todas as atividades profissionais e processos de trabalho institucionais. Para isso os profissionais devem ver o paciente como um ser holístico e dotado deemoções, não sendo exclusivamente apenas um ser doente que precisa de tratamento, relembramos então a Declaração Universal do Direitos Humanos, no seu artigo 1º, de 2003 que diz:


“todos os seres humanos nascem livres e iguais em dignidade e em direitos. Dotados de razão e de consciência, devem agir uns para com os outros em espírito de fraternidade”




Para ZEN & BRUTSHER(1986) com o avanço científico, tecnológico e a modernização de procedimentos, os profissionais da assistência da saúde começaram a se afastar do paciente/cliente, e colocaram de lado o lado humano nessa prestação de cuidado, porém não se pode ficar atrás ou as margens do processo de humanização. É dever de todos acompanhar o desenvolvimento das ciências humanas, científicas, culturais e...
tracking img