Arcadismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (839 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
ARCADISMO:
Conceito: É um movimento literário que representa uma reação contra os excessos do barroco. Propõe um retorno aos modelos greco-latinos e renascentistas, visando equilíbrio esimplicidade. Pode ser chamado de Neoclassicismo.

Origem do nome: Provêm de um romance pastoral chamado Arcádia cujo tema é a vida campestre e o ideal de felicidade. Arcádia foi uma lendária região da Gréciadominada pelo deus Pan (deus do bosque) e habitada por pastores dedicados a vida rustica e a poesia (por isso os poetas árcades se denominam pastores e adotam nomes gregos ou latinos).

História: Nosec. XVIII surgiram novas ideias de cientistas e filósofos, onde as crenças voltavam-se para a ciência, o racionalismo e o antropocentrismo (homem como centro de tudo), não dando lugar para as ideiasreligiosas e as antíteses do Barroco. Entra em cena o Iluminismo, e nesse novo modelo sociocultural, surge a produção artística do Arcadismo constituída de razão e fé.

Características:
♥IMITAÇÃO: Retorno aos modelos renascentistas de simplicidade e imaginação equilibrada pela razão, moderando as emoções e impedindo os excessos _ Presença de mitologia (na mitologia os sentimentos sãopersonificados), linguagem simples, vocabulário simples e períodos curtos, metáfora. Obs.: A linguagem simples do Arcadismo revela uma reação contra a arte do bem falar Barroca.

♥ BUCOLISMO: Preferencia portemas pastoris e vida campestre devido os árcades acreditarem que a pureza, a beleza e a espiritualidade residirem no campo. Consideram o preceito horaciano de Fugerem Urbem (fugir da cidade).

♥RACIONALISMO: Equilíbrio entre razão e sentimentos, preocupação com a verdade e o real, pois segundo os árcades só e belo o que é racional.

♥ CONVENCIONALISMO: Repetição de temas muito explorados eutilização de lugares comuns, como: campos, ovelhas, montes.

♥ IDEALIZAÇÃO DO AMOR E DA MULHER: O amor é fonte de prazer é tranquilo e não passional.
No final do sec. XVIII alguns autores...
tracking img