Arcadismo em portugal

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1157 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
E.E.E.F & M Carlos Drummond de Andrade













Arcadismo em Portugal






Apenas para estudo...





















Arcadismo
 Suas características
 Arcadismo em Portugal


O que é o Arcadismo?
O arcadismo é uma escola literária surgida na Europa no século XVIII, também denominada de setecentismo ou neoclassicismo. O nome "arcadismo" é umareferência à Arcádia, região campestre do Peloponeso, na Grécia antiga, tida como ideal de inspiração poética.

Características do Arcadismo
A principal característica desta escola é a exaltação da natureza e de tudo o que lhe diz respeito. Por essa razão muitos poetas do arcadismo adotaram pseudônimos de pastores gregos ou latinos. Caracteriza-se ainda pelo recurso a esquemas rítmicos maisgraciosos.
Algumas outras característica:
O arcadismo constitui-se numa forma de literatura mais simples, opondo-se aos exageros e rebuscamentos do Barroco, expresso pela expressão latina "inutilia truncat" ("cortar o inútil").

Os temas também são simples e comuns aos seres humanos, como o amor, a morte, o casamento, a solidão.
As situações mais freqüentes apresentam um pastor abandonadopela amada, triste e queixoso. É a "aurea mediocritas" ("mediocridade áurea"), que simboliza a valorização das coisas cotidianas, focalizadas pela razão.

 valorização da vida no campo (bucolismo)
 crítica a vida nos centros urbanos
 objetividade
 idealização da mulher amada
 locus amoenus (lugar agradável)
 convencionalismo amoroso
 linguagem simples
 uso de pseudônimos comfrequência
 pastoralismo
 fugere urbem (fuga da cidade)




Arcadismo em Portugal
Em Portugal, o Arcadismo corresponde ao período literário que marca a segunda metade do século XVIII. Didaticamente, ele tem início em 1756 com a fundação da Arcádia Lusitana e se estende até 1825 com a publicação do poema Camões de Almeida Garrett, considerado o texto inicial do Romantismo português
O Arcadismocorresponde a um período de mudanças marcantes na vida européia como um todo. Essas mudanças fazem parte de um movimento cultural chamado Iluminismo.
Para os portugueses, o século XVIII iniciou-se com um processo de modernização, através dos planos econômicos, político, administrativo, educacional e cultural. A produção literária foi ampla e variada, incentivada principalmente pelas academiasliterárias árcades. A principal expressão literária desse período, Manuel Maria Du Bocage, foi um dos maiores poetas portugueses de todos os tempos.
Nas primeiras décadas desse século, chegaram a Portugal as idéias iluministas, que entusiasmaram intelectuais, artistas e até mesmo o rei D. João V e seu sucessor D.José I, que desejavam modernizar o país. Esse projeto deveria, ainda, satisfazer osinteresses da burguesia mercantil e colonial, equiparando Portugal novamente às grandes nações européias. Com amplos poderes, e, na condição de ministro, o Marquês, foi indicado a liderar essas idéias.

As academias literárias
As academias literárias eram agremiações que tinham por objetivo promover o debate permanente sobre a criação artística, avaliar criticamente a produção de seus filiados efacilitar a publicação de suas obras. Portugal contou com duas importantes academias árcades: a Arcádia Lusitana e a Nova Arcádia

Arcádia Lusitana
Arcádia Lusitana, também conhecida como Arcádia Olissiponense, foi uma reputada academia literária de Portugal em meados do século XVIII. Os seus membros propunham-se combater os excessos do espírito barroco e orientar a produção poética para umaestética neoclássica, com fundo na razão e no culto do natural.




Nova Arcádia
Academia de oratória e poesia fundada por Domingos Caldas Barbosa em 1790, pretendendo sob a forma de tertúlias - com carácter algo mundano - defender os princípios da Arcádia Lusitana, entre os quais a oposição à exuberância do estilo barroco, voltando à simplicidade, ao estilo bucólico e à imitação da...
tracking img