Aquisição sobre a aquisição da escrita de acordo com emilia ferreiro e o ensino da lingua portuguesa

Páginas: 56 (13949 palavras) Publicado: 26 de março de 2011
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação Especial

4

SABERES E PRÁTICAS DA INCLUSÃO

ESTRATÉGIAS PARA A EDUCAÇÃO DE ALUNOS COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS

Brasília − 2003

Série: SABERES E PRÁTICAS DA INCLUSÃO Caderno de Apresentação Guia do Formador de Grupo 1 . A Bidirecionalidade do Processo de Ensino e Aprendizagem 2 . Ensinando a Diversidade: reconhecendo erespondendo às necessidades especiais 3 . Declaração de Salamanca: recomendações para a construção de uma escola inclusiva 4 . Estratégias para a Educação de Alunos com Necessidades Educacionais Especiais 5 . Desenvolvendo Competências para o Atendimento às Necessidades Educacionais de Alunos Surdos 6 . Desenvolvendo Competências para o Atendimento às Necessidades Educacionais de Alunos com DeficiênciaFísica/neuro-motora 7 . Desenvolvendo Competências para o Atendimento às Necessidades Educacionais de Alunos com Altas Habilidades/Supertodação 8 . Desenvolvendo Competências para o Atendimento às Necessidades Educacionais de Alunos Cegos e de Alunos com Baixa Visão 9 . Avaliação para Identificação das Necessidades Educacionais Especiais

FICHA TÉCNICA Coordenação Geral SEESP/MEC Organização MariaSalete Fábio Aranha Colaboração Marlene de Oliveira Gotti Luzimar Camões Peixoto Martha Marilene de Freitas Souza

Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) Centro de Infornação e Biblioteca em Educação (CIBEC) E82e Estratégias para a educação de alunos com necessidades educacionais especiais / coordenação geral: SEESP/MEC ; organização: Maria Salete Fábio Aranha. – Brasília :Ministério da Educação, Secretaria de Educação Especial, 2003. 58 p. (Saberes e práticas da inclusão ; 4) 1. Inclusão escolar 2. Educação dos portadores de deficiência 3. Currículo I. Brasil. Secretaria de Educação Especial II. Aranha, Maria Salete Fábio III. Série CDU: 376.214

Apresentação da Secretaria

Prezado (a) Professor (a), A LDB 9394/96 definiu a Educação Especial como uma modalidade deeducação escolar que permeia todas as etapas e níveis de ensino e a Resolução do CNE 02/2001 regulamentou seus artigos 58, 59 e 60, garantindo aos alunos com necessidades educacionais especiais o direito de acesso e permanência no sistema regular de ensino. Entendemos que o paradigma da inclusão desses alunos implica a reestruturação dos sistemas de ensino, a partir da qualificação (capacitação)dos professores, viabilizando a reorganização escolar de modo a assegurar aos alunos as condições de acesso e, principalmente, de permanência, com sucesso, nas classes comuns. Considerando a necessidade de colaborarmos para sua formação continuada, a Secretaria de Educação Especial do MEC tem a satisfação de entregar-lhe a publicação “Saberes e Práticas da Inclusão”. Este material visaproporcionar-lhe momentos de reflexão e condições de desenvolver sua prática pedagógica, atendendo à diversidade das necessidades apresentadas por seus alunos. Um grande abraço e sucesso em seu trabalho

Secretaria de Educação Especial

Sumário

Introdução

7 9 11

1

Conceitos fundamentais: Educação para todos, educação especial, Necessidades Educacionais Especiais e Currículo Escolar

2Adequações curriculares: de pequenos ajustes a ajustes significativos

6
ESTRATÉGIAS PARA A EDUCAÇÃO DE ALUNOS COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS

Introdução

FINALIDADE
Promover a familiarização crítica do professor com o conteúdo do documento – Adaptações Curriculares.

EXPECTATIVAS DE APRENDIZAGEM
Ao final deste módulo, o professor deverá ser capaz de: 1. Dissertar sobre osconceitos de Educação para todos, de Educação Especial, de Necessidades Educacionais Especiais e de Currículo Escolar. 2. Descrever os diferentes níveis de adaptação possíveis e necessários para a flexibilização da prática educacional, quando se busca o ensino de qualidade, na diversidade.

CONTEÚDO
• • Adequações Curriculares de pequeno porte (não significativas) Adequações Curriculares de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Aquisição da leitura de acordo com emilia ferreiro e relacione com o ensino da lingua porutquesa
  • Aquisição da lingua portuguesa e suas implicações no ensino de lingua portuguesa
  • Aquisição da língua materna e suas implicações no ensino da língua portuguesa
  • Aquisição da lingua materna e suas implicações no ensino da lingua portuguesa
  • Língua portuguesa. aquisição da linguagem e concepções de ensino
  • Língua portuguesa: aquisição da linguagem e concepções de ensino
  • Lingua portuguesa : aquisição da linguagem e concepções de ensino
  • Língua portuguesa: aquisição da linguagem e concepções de ensino

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!