Antropologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 39 (9628 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A DINÂMICA POPULACIONAL DOS PAÍSES DESENVOLVIDOS E SUBDESENVOLVIDOS
João YUNES
(1)

YUNES, J. — A dinâmica populacional dos países desenvolvidos e subdesenvolvidos. Rev. Saúde públ., S. Paulo, 5:129-50, 1971. RESUMO — Analisam-se os principais fatôres que contribuiram para a dinâmica populacional dos países desenvolvidos e subdesenvolvidos, a política por êles adotada, bem como a aplicação dademografia em saúde pública. O ritmo de maior crescimento populacional observa-se nos países subdesenvolvidos sendo que, para o ano 2.000, a região denominada de terceiro mundo é a que apresentará o maior contingente populacional pois os países subdesenvolvidos contribuirão com 79% do total da população mundial. A primeira transição demográfica iniciou-se no século 17, na Europa, com o processode revolução industrial enquanto que, nos países subdesenvolvidos, isto ocorreu a partir do ano de 1940, porém, com uma diferença fundamental, pois a queda de mortalidade verificada não foi acompanhada por um declínio significativo da natalidade nem da modernização de suas economias. Entre os principais fatôres que afetam a mortalidade e a fertilidade analisou-se a influência do desenvolvimentoeconômico e social e dos avanços no campo da medicina e da saúde pública. Está sob uma política antinatalista oficial 66% da população dos países subdesenvolvidos e os contraceptivos mais utilizados têm sido, em ordem decrescente, o dispositivo intrauterino, esterilização e pílulas. Sòmente a Índia, em 4 anos (1964-68), esterilizou 5.200.000 habitantes com uma idade média de 32,2 anos. Entre asprincipais aplicações da demografia em saúde pública destacam-se o planejamento de saúde, migrações, epidemiologia e higiene materno-infantil. UNITERMOS — Dinâmica populacional*; Demografia*; Política populacional*; Saúde pública.

1.

INTRODUÇÃO

O crescimento populacional é, no mundo hodierno, sem dúvida, um dos temas mais debatidos e as conseqüências dêste aumento um dos mais controvertidos.No momento em que importantes deci-

sões, que envolvem a política populacional, são discutidas tanto em países desenvolvidos como subdesenvolvidos, o esfôrço deverá ser concentrado no estudo, análise e investigação de caráter científico que

Recebido para publicação em 11-3-1971. (1) Do Centro de Estudos de Dinâmica Populacional do Departamento de Epidemiologia da Faculdade de Saúde Pública daUSP, Av. Dr. Arnaldo, 715, São Paulo, SP - Brasil. Da Disciplina de Pediatria Social da Faculdade de Medicina da USP, São Paulo, SP - Brasil. Apresentado no "Seminário sôbre o Ensino da Proteção à Saúde Materna-Infantil, em função das Necessidades da Comunidade, Salvador, nov. 1970" e no "Curso Internacional sôbre Problemas Prenatais, Brasília, DF, nov. 1970".

possam superar a naturezaapriorística e o nível emocional que, freqüentemente, dominam a controvérsia. As teses prónatalistas e teses a favor do contrôle da natalidade se opõem, sem que se elaborem importantes distinções a respeito de fatôres como a densidade demográfica, os recursos naturais, as tendências das taxas de natalidade, o processo de urbanização, isto é, fatôres demográficos, econômicos, sociais e culturais quedeterminam a conveniência de opções políticas concretas, suscitando uma das mais agudas controvérsias de nossa época. 1.2 Crescimento populacional

e guerras, manteve baixo o crescimento populacional. Para a população mundial duplicar-se a partir do comêço da Era Cristã foram necessários 1650 anos. O primeiro cálculo digno de confiança data dêste ano em que a população estimada era de 500 milhões dehabitantes. Nos dois séculos seguintes esta cifra dobrou. Em menos de um século duplicou-se novamente e com as taxas atuais de crescimento, dobrará novamente em um têrço de século (Tabela 1) 2.

O presente trabalho tem por objetivo, indicar a possibilidade de adoção de uma política populacional para os países subdesenvolvidos em geral e para o Brasil em particular. Para tanto, analisa-se o...
tracking img