Antropologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1557 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1- A PRÉ-HISTÓRIA DA ANTROPOLOGIA: a descoberta das diferenças pelos viajantes do século XVI e a dupla resposta ideológica dada daquela época até nossos dias

- A gênese da reflexão antropológica é contemporânea à descoberta do Novo Mundo. O Renascimento explora espaços até então desconhecidos e começa a elaborar discursos sobre os habitantes que povoa aqueles espaços. O critério essencial parasaber se convém atribuir-lhes um estatuto humano é, nessa época, religioso: O selvagem tem uma alma?

- Las casas: Esses povos igualavam ou até superavam muitas noções do mundo conhecidas como policiadas e razoáveis, e não eram inferiores a nenhuma delas. Assim, igualavam-se aos gregos e os romanos, e até, em alguns de seus costumes, os superavam.

Sepulvera: Superam os outros em prudência erazão, mesmo que não sejam superiores em força física, são por natureza, os senhores; ao contrário, porém, os preguiçosos , os espíritos lentos, mesmo que tenham as forças físicas para cumprir todas as tarefas necessárias, são por natureza servos.


- Renascimento, os séculos XVII e XVIII falavam de naturais ou de selvagens (isto é, seres da floresta), opondo assim a animalidade à humanidade. Otermo primitivos é que truinfará no século XIX, enquanto optamos preferencialmente na época atual pelo de subdesenvolvimentos.

- De Pauw dizia:“Temperamento tão úmido quanto ao ar e a terra onde vegetam”. Os indígenas americanos vivem em um “estado de embrutecimento” geral. Tão degenerados uns quantos os outros, seria em vão procurar entre eles variedade distintas daquilo que se parecia comuma cultura e com uma história.


-Hegel:Tudo na África, é nitidamente visto sob o signo da falta absolta: os “ negros” não respeitam nada, nem mesmo eles próprios, já que comem carne humana e fazerm comercio da “carne” de seus próximos. Vivendo em uma ferocidade bestial inconsciente de si mesma, em uma selvageria em estado bruto, eles não têm moral, nem instituições sociais, religião ou Estado.A FIGURA DO BOM SELVAGEM E DO MAU CIVILIZADO


-“Eles são muitos mansos e ignorantes do que é o mal, eles não sabem se matar uns aos outros (....) Eu não penso que haja no mundo homens melhores, como também não há terra melhor”. (Cristóvão Colombo)


- A imagem que o ocidental se fez da alteridade, não parou.portanto: - Era uns mostro, um “animal com figura humana” (Léry), a meiocaminho entre animalidade e humanidade mas também que os monstros éramos nós, sendo que ele tinha lições de humanidade a nos dar.

- Era um animal, um “vegetal” (de Pawu), uma “coisa”, “um objeto sem valor” (Hegel), ou participava, pelo contrario, de uma humanidade da qual tinha tudo como aprender

- O Renascimento seria em vão, talvez anacrônico, descobrir nele o que poderia aparentar-se a umpensamento etnológico, tão problemático, como acabamos de observar, ainda no final do século XX.

-Montaigne, mesmo se o que o preocupa é menos a humanidade dos índios do que a inumanidade dos europeus, seguindo nisso Léry que transporta para o “Novo Mundo” os conflitos do antigo, começa a introduzir a dúvida no edifício do pensamento europeu.

-Ele testemunha o desmoronamento possível destepensamento, menos inclusive ao pronunciar a condenação da civilização do que ao considerar que a “selvageria” não é nem inferior nem superior, e sim diferente.

2. O SÉCULO XVIII: a invenção do conceito de homem



- A construção de um certo número de conceitos, começando pelo próprio conceito de homem, não apenas enquanto sujeito, mas enquanto objeto de saber; abordagem totalmente inédita, jáque consiste em introduzir dualidade característica das ciências exatas (o sujeito observante e o objeto observado) no coração do próprio homem.

- Na passagem do século XVIII para o século XIX, a Sociedade dos Observadores do Homem (1799-1805), formada pelos então chamados “ideológicos”, que são moralistas, filósofos, naturalistas, médicos que definem muito claramente o que deve ser o campo...
tracking img