Antropologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3147 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E FAMILIAR CONTRA A MULHER NA CIDADE DE PICOS – PI, NO ANO DE 2010
Beatriz Silva Amorim[1]
Edênia de Sousa Carvalho¹
Isadora Santos Luz Leal¹
Luan Robert Ferraz de Deus¹
Natalia Ferreira Andrade¹
Ronaldo Sobreira Leal¹
Sammya Maria Rodrigues Pacheco¹
Joaquim Otávio¹

RESUMO

O presente trabalho é o resultado de uma pesquisa acadêmica desenvolvida na cidade dePicos no Estado do Piauí que trata substancialmente da atuação da Delegacia da Mulher na referida cidade, buscando apreender a operacionalização das ações voltadas à defesa da mulher vitima de violência doméstica, realizadas por esta Instituição. A proposta metodológica deste trabalho tem a natureza quantitativa e qualitativa, tendo como fonte de dados documentos (analise documental) a entrevistasemi-estruturada com os sujeitos, com informações complementares oriundas de observações diretas realizadas no campo de pesquisa. Contudo, a pesquisa apresentou que atuação da Delegacia da Mulher tem reconhecida credibilidade das mulheres picoenses, destacando o seu papel educativo junto às usuárias a partir da socialização de informações de seus direitos durante o processo de atendimento, porém aatuação da Delegacia de Defesa da Mulher tem serias dificuldades, advindas de problemas estruturais, tanto físicos como de pessoal, ocasionados pela falta de recursos financeiros e apoio dos gestores políticos

PALAVRAS-CHAVE: Violência doméstica. Mulher. Delegacia de Defesa da Mulher.

ABSTRACT

The present work is the result of an academic research developed in the city of Picos Piauí.State that is substantially the performance of the Women’s Police Station in that city, seeking to understand the operationalization of measures to defend the woman victim of domestic. Violence, held by this institution. The proposed methodology of this study quantitative and qualitative, whit the data source documents (documents analysis) to semi-structured interview whit the subjects withadditional information arising from direct observations made in the search field. However, research showed that performance of the police office for women has recognized people from Picos credibility of women, enhancing their educational role the role witch the users from the socialization of information of their rights during the process of care, but with major problems of physical infrastructure andhuman resources, caused by lack of funding and support of public managers.

KEYWORDS: domestic violence, woman, Police Defense of Woman
1 INTRODUÇÃO

A violência nas relações entre parceiros expressa dinâmicas de afeto e poder e denunciam a presença de relações de subordinação e dominação. Essa dinâmica relacional pode ser propiciada na medida em que a divisão interna de papéis admiteuma distribuição desigual de privilégios, direitos e deveres dentro do ambiente doméstico, setor em que se definem assimetrias de poder calcadas em diferenças de gênero. O convívio dentro do espaço privado dos casais, configurando o relacionamento cotidiano como gerador de uma complexa trama de emoções, em que a sexualidade, a reprodução e a socialização constituem esferas potencialmente criadorasde relações ao mesmo tempo prazerosas e conflitivas.
O trabalho teve por objetivo geral analisar depoimentos de mulheres maltratadas por seus maridos, no município de Picos, no ano de 2010, de acordo com a Lei Nº 11.340/2006, por meio dos registros da Delegacia da Mulher. Os objetivos específicos foram: identificar as causas desta violência; conhecer os principais tipos de violência sofridapor mulheres maltratadas por seus maridos; analisar as mediadas judiciais perante a Lei Nº 11.340/2006 e verificar as principais formas de manifestação da violência doméstica e identificar as principais dificuldades enfrentadas pela Delegacia da Mulher no enfrentamento ao crime de violência doméstica e familiar contra a mulher.
O campo de investigação do estudo foi a Delegacia da Mulher da...
tracking img