Antropologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 306 (76370 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
MEDO E OUSADIA
O Cotidiano do Professor

Coleção: Educação e Comunicação Vol. 18

CIP- Brasil. Catalogação-na- fonte. Sindicato Nacional dos Editores de Livros, RJ.

Shor, Ira S562s Medo e Ousadia – O Cotidiano do Professor / Ira Shor, Paulo Freire; tradução de Adriana Lopez; revisão técnica de Lólio Lourenço de Oliveira. – Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1986. (Coleção educação eComunicação, v. 18) 1. Professores. I. Freire, Paulo, 1921- II. Lopez, Adriana. III. Título. IV. Série 86-0963 CDD - 371.144 CDU – 378.124

EDITORA PAZ E TERRA Conselho Editorial Antonio Candido Celso Furtado Fernando Gasparin Fernando Henrique Cardoso

IRA SHOR PAULO FREIRE

MEDO E OUSADIA
O Cotidiano do Professor
Tradução de Adriana Lopez Revisão técnica de Lólio Lourenço de Oliveira

PAZ ETERRA

Copyright by Ira Shor e Paulo Freire

Capa: Isabel Revisão: Maria Luiza Favret Jorge Ariovaldo de Jesus Composição: Intertexto

Direitos adquiridos pela EDITORA PAZ E TERRA S/A Rua São José, 90 – 11.° andar Centro – Rio de Janeiro – RJ Tel.: 221- 4066 Rua do Triunfo, 177 Santa Ifigênia – São Paulo – SP Tel.: 223- 6522 1987 ___________ Impresso no Brasil Printed in Brazil

SUMÁRIOPrefácio ...................................................................................................................................7

Agradecimentos ........................................................................................................................9

Prefácio - O sonho do professor sobre a educação libertadora......................................................... 10

1 - Como pode o professor transformar- se num educador libertador? De que modo a educação se relaciona com a mudança social? ............................................................................................... 18

2 - Quais os temores e os riscos da transformação? ...................................................................... 38

3 - Existe estrutura e rigor naeducação libertadora? As classes dialógicas tornam iguais os professores e os alunos? ............................................................................................................................. 51

4 - O que é “método dialógico” de ensino? O que é uma “pedagogia situada” e empowerment? ............ 64

5 - Existe uma “cultura do silêncio” nos EUA? Os alunos norte- americanos,vivendo numa democracia abastada, precisam de “libertacao”? ........................................................................................... 77

6 - Como podem os educadores libertadores superar as diferenças de linguagem existentes entre eles e os alunos? ................................................................................................................................. 897 – O sonho da transformação social: Como começar segunda- feira de manhã? Temos o direito de mudar a consciência dos alunos? ........................................................................................................104

Bibliografia selecionada ..........................................................................................................113

PREFÁCIO EstimadoPaulo, Tive o grande prazer d ser uma das primeiras leitoras da edição em português desta sua obra, em coe autoria com Ira Shor. Senti- me muita estimulada e identificada com o conteúdo deste livro. Por ter o privilégio de trabalhar ao seu lado, nos Seminários que você dirige no Curso de Pós- Graduação em Supervisão e Currículo da PUC/SP, pude ver descrito e cuidadosamente analisado o seu trabalho naUniversidade, desde sua volta ao Brasil. Encontrei, ao longo dos capítulos, as questões que os nossos alunos, turma após turma, lhe propõem. Deparei- me também com as respostas que você, com paciência pedagógica, tem construído e colocado em discussão. Porém, nos depoimentos apresentados neste livro, não há um simples arrolamento das posições que você tem expressado em Seminários. Notei sim,...
tracking img