Anhanguera

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1128 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Verificação de Aprendizagem
Revisão da tentativa 1
-------------------------------------------------
Parte superior do formulário

Parte inferior do formulário
Iniciado em | segunda, 27 agosto 2012, 18:48 |
Completado em | segunda, 27 agosto 2012, 19:13 |
Tempo empregado | 24 minutos 16 segundos |
Nota | 9 de um máximo de 10(90%) |
Question1
Notas: 1
Assinale a alternativa em quea palavra composta com radicais latinos significa “cultura de arroz”:
Escolher uma resposta.
| a. triticultura  | |
| b. orizicultura  | |
| c. cotonicultura  | |
| d. sericultura  | |
| e. cunicultura  | |
Alternativa B
Este teste requer um pouco de conhecimento sobre o significado de alguns radicais de palavra, que por meio do processo de formação nos dá a definição.(orizi+cultor) Que, ou o que se dedica á orizicultura. Orizicultura é cultura de arroz.
Correto
Notas relativas a este envio: 1/1.
Question2
Notas: 1
Assinale a alternativa em que a palavra formada com elementos gregos significa “ perturbação do sentido do tato”.
Escolher uma resposta.
| a. disafia  | |
| b. disosmia  | |
| c. disfasia  | |
| d. disorexia  | |
| e. disgensia  ||
Alternativa D
Neste teste, deve-se ter conhecimento semântico, ou seja, o que as palavras significam; aquele que tem perturbação no tato: disafia.
Correto
Notas relativas a este envio: 1/1.
Question3
Notas: 1
(FUVEST) “Na reunião do Colegiado, não faltou, no momento em que as discussões se tornaram mais violentas, argumentos e opiniões veementes e contraditórias.” No trecho acima, háuma infração as normas de concordância.

a) Reescreva-o com devida correção. 
b) Justifique a correção feita
Escolher uma resposta.
| a. 
a) "Na reunião do colegiado, não faltou, no momento em que as discussões se tornaram mais violenta, argumentos e opiniões veementes e contraditórias."
b) Concorda com o sujeito "nas opiniões".  | |
| b. 
a) "Na reunião do colegiado, não faltaram, nomomento em que as discussões se tornaram mais violentas, argumentos e opiniões veementes e contraditórias."
b) Concorda com do verbo com os argumentos e opiniões".  | |
| c. 
a) "Na reunião do colegiado, não faltou, no momento em que as discussões se tornaram mais violentas, argumentos e opiniões veementes e contraditórias."
b) Concorda com o sujeito "argumentos e opiniões".  | |
| d. a) "Na reunião do colegiado, não faltaram, no momento em que as discussões se tornaram mais violentas, argumentos e opiniões veementes e contraditórias."
b) Concorda com o sujeito "argumentos e opiniões".  | |
Alternativa D
Resposta “D”, pois, argumentos e opiniões é sujeito composto, portanto, verbo concorda no plural (faltaram).
Correto
Notas relativas a este envio: 1/1.
Question4Notas: 1
(Univ. Fed. Maranhão) – Há objeto indireto na opção:
Escolher uma resposta.
| a. A eleição transcorreu calma.  | |
| b. A chuva cai mansa nos telhados.  | |
| c. As cidades elegeram novos prefeitos.  | |
| d. Os prefeitos foram eleitos pelo povo.  | |
| e. O povo confia nos seus dirigentes.  | |
Alternativa E 

O objeto indireto é o termo da oração que se relaciona como verbo transitivo indireto, completando lhe o sentido. O pronome oblíquo nos pode ser objeto direto ou indireto, depende do verbo ao qual está relacionado. No caso o verbo confiar é transitivo indireto, pois quem confia, confia em.
Correto
Notas relativas a este envio: 1/1.
Question5
Notas: 1
(CEETSP) Determine o único emprego errado do pronome pessoal:
Escolher uma resposta.
| a. Sobreele e eu pesam sérias acusações.  | |
| b. Ajudemo-la que ela não se sente bem.  | |
| c. Põe-nos aqui, foi daqui que tiraste os livros.  | |
| d. Tua a feres, mas não o fazes impunemente.  | |
| e. Com nós todos já ocorreu isso.  | |
Alternativa A.
Após a preposição usa-se pronome pessoal oblíquo, ou seja, sobre mim e ele.
Correto
Notas relativas a este envio: 1/1....
tracking img