Anexos embrionarios

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1121 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Anexos embrionários
Introdução
O embrião é o principal produto da fecundação que é a união do espermatozoide com o ovócito e começa a se dividir por mitose ( célula mãe origina duas filhas idênticas com os mesmos números de cromossomos) dando origem ao embrião. Após o embrião ser formado aparece um folheto embrionário que é formado por uma camada de célula e aparece logo após a gastrulação.Os folhetos embrionários podem existir em numero de três ou dois sendo classificados nos animais em triblásticos e diblásticos respectivamente. Os animais diblásticos, ou seja, possuem duas camadas denominadas de endoderme e ectoderme, e os animais triblásticos, ou seja, três camadas denominadas endoderme, ectoderme e mezoderme, esses folhetos vão diferenciar-se em órgão componentes dos animais.Após a formação do embrião esses folhetos germinativos denominados anexos embrionários e que entre outras funções protegem e nutrem o embrião de répteis, aves e mamíferos vão realizar suas determinadas funções.
Os anexos embrionários ocorrem em todos os vertebrados desaparecendo durante o desenvolvimento do embrião e não estando presente nos adultos, sendo separados de acordo com as suas funçõesem:
• Saco vitelínico: durante a evolução do grupo dos animais os primeiros vertebrados que existiram foram os peixes, grupo que possue como único anexo embrionário a vesícula vitelínica. Diferenciando-se a mezoderme e o tubo neural, parte dos folhetos germinativos desenvolve-se formando uma membrana que envolve toda a gema constituindo o saco vitelínico em um anexo embrionário que permaneceligado ao intestino do embrião. A medida que ele se desenvolve há o consumo do vitelo que é uma reserva de nutrientes e consequentemente o saco vitelínico vai se reduzindo até desaparecer é bem desenvolvido não somente em peixes, mas também em repteis e aves, já nos mamíferos o saco vitelínico será reduzido já que seus ovos são pobres em vitelos, portanto, não tendo um significado no processo danutrição na maioria dos mamíferos, já nos anfíbios, embora seus ovos sejam ricos em vitelo encontra-se a ausência do saco vitelínico típico nesses animais o vitelo se localiza dentro das células grandes não envoltas por membrana vitelínica própria.
• Âmnio: membrana que envolve o embrião completamente delimitando a cavidade aminiótica, cavidade que contem o liquido aminiotico cujo suas funções éproteger o embrião contra choques mecânicos. No final do desenvolvimento de repteis e aves, por exemplo, todo o liquido da cavidade aminiotica é absorvido por ele.
• Cório: é uma membrana que também envolve o embrião e todos os anexos embrionários, sendo o anexo mais distante do corpo do embrião.
• Alantóide: membrana embrionária de aves, repteis e mamíferos que nos mamíferos forma placenta seunindo com o córion. É uma estrutura que assim como o saco vitelínico é formada pela mezoderme e endoderme sendo sua principal função remover e armazenar excretas produzidas pelo metabolismo do embrião, nos mamíferos os vasos sanguíneos da alantoide auxiliam na formação da placenta podemos dizer então que os repteis, as aves e os mamíferos são aminiotas e alantoidianos por formarem amnion ealantoide respectivamente.
• Placenta: ocorre apenas nos mamíferos e é formada pela união do córion e alantoide do embrião mas o endométrio materno, por ser formada pela união destes anexos embrionários muitos a consideram como um órgão e não como um anexo embrionário. Sua função permite a fixação do embrião na parede uterina realiza trocas gasosas entre o feto e o sangue materno permitindo apassagem de nutrientes para o embrião. A placenta é um órgão feto-materno que é constituída por duas porções: porção fetal grande formada pelo saco coriônico; e porção materna menor que é derivada do endométrio. A sua formação inicia-se no final da primeira semana de desenvolvimento por a nidaçao superficial, placenta não decídua, já que não proporciona perda de porções do endométrio e por nidação...
tracking img