Analise

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1571 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Ano lectivo 2012/2013
Curso Profissional Técnico de Gestão
ANÁLISE FINANCEIRA E ECONÓMICA
Zon Multimédia




Novembro 2012




Disciplina: Gestão

Módulo –Análise Financeira e Económica

Professor: Pedro Santos

Data: Novembro de 2012

Nome/nº:


Disciplina: Gestão

Módulo –Análise Financeira e Económica


Data: Novembro de 2012Índice

Introdução 4
1.Análise Financeira e Económica 5
1.2.Fontes da Informação 6
1.3. Tipos de Rácios 6
1.4.Utilidade dos rácios 7
2. ZON MULTIMÉDIA – SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES E MULTIMÉDIA 9
2.1.Documentos financeiros 9
2.2.Análise económico-financeira da Zon Lusomundo através do cálculo de rácios 13
3.CONCLUSÃO 16
Bibliografia 17

Introdução

Um dosobjectivos deste trabalho é dar a conhecer o que é uma análise financeira. Mas centra-se principalmente no cálculo de alguns rácios da empresa Zon.
Com o auxílio de gráficos será feita uma análise económico-financeira da empresa, através dos rácios calculados.
Os anos analisados são 2009,2010 e 2011.

1.Análise Financeira e Económica
A análise financeira refere-se à avaliação ou estudo daviabilidade, estabilidade e lucratividade de um negócio. Engloba um conjunto de instrumentos e métodos que permitem realizar diagnósticos sobre a situação financeira de uma empresa, assim como prognósticos sobre o seu desempenho futuro.
A análise financeira é fundamental para a empresa conhecer sua situação e tomar medidas promovendo o seu crescimento. Também é fundamental para que accionistas,investidores, governo, clientes e fornecedores conheçam financeiramente a empresa.
De forma a alcançar a sobrevivência e desenvolvimento pretendido pela empresa, a avaliação e interpretação da situação económico-financeira de uma empresa centra-se nas seguintes questões fundamentais:
* Equilíbrio financeiro;
* Rentabilidade dos capitais;
* Crescimento;
* Risco.
Para que oanalista possa verificar a situação económico-financeira de uma empresa, torna-se fundamental o recurso a alguns. Estes apresentam uma vantagem, não só de tornar mais precisa a informação, como também de facilitar comparações, quer para a mesma empresa, ao longo de um certo período de tempo, quer entre empresas distintas, num mesmo referencial de tempo. Contudo, convém salientar que os ráciosapenas constituem um instrumento de análise, que deve, ser complementado por outros tantos. Com efeito, a análise de indicadores, fornece apenas alguns indícios que o analista deverá procurar confirmar através do recurso a outras técnicas.

1.2.Fontes da Informação
Os dados utilizados para calcular os rácios são na sua grande maioria retirados dos principais documentos financeiros das empresas,como:
* Balanço: É um documento contabilístico que expressa a situação patrimonial de uma empresa num determinado momento. Este documento permite comparar o activo (bens que a empresa possui assim como o dinheiro que tem e as dívidas de terceiros), com o passivo ou capital alheio (o que a empresa deve a terceiros, quer seja empréstimos bancários, responsabilidades para com o Estado, dívidas afornecedores, etc.).
* Demonstração do Resultado Líquido: Evidencia a formação de resultados num certo período (entre dois balanços), avalia a situação económica da empresa. De acordo com o SNC existem duas formas de elaboração da demonstração de resultados:
* Demonstração de resultados por natureza;
* Demonstração de resultados por funções.
1.3. Tipos de Rácios
* Rácios deRendibilidade é o indicador (expresso em %) da relação entre o resultado (lucro ou prejuízo) e as vendas ou uma grandeza de capital. Podem ter - se assim vários indicadores de rendibilidade. Numa empresa, a rendibilidade toma três dimensões distintas segundo os objectivos da análise: rendibilidade comercial, rendibilidade económica e rendibilidade financeira.

* Rácios de Funcionamento servem...
tracking img