Analise de caso, bavelas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1757 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Análise dos Atos e Cenas, e correlação com as Teorias:

Ato 1. Cena 1
O psicólogo entrou em contato, inteirando-se sobre a briga entre Paulson (mecânico), Sulinda (Contra mestra) e as costureiras;


Ato 1. Cena 2
O patrão explica a situação colocando para si o papel do emissor, como Lewin afirma na frase “[...] é emissor aquele que toma a iniciativa da comunicação... deve podertransmitir sua mensagem em termos que sejam inteligíveis para o outro...” (Lewin pag 77).
O psicólogo usou exemplos e experiências que vivenciou em outras empresas. Nesse momento, ocorreu um filtro na comunicação, cada um escutou o que lhe pareceu mais conveniente. Conforme Lewin “ Filtragem podem ser provisórias: certos autores falam de pane, bruma, nebulosidade, queda de visibilidade entre emissor e oreceptor “. (Lewin, pag. 79)


Ato 1. Cena 3

O psicólogo estava intervindo na situação, pois seu objetivo era conversar com os sujeitos do caso.
No entanto todos eles concordaram em dialogar com p psicólogo, para o mesmo ter uma visão geral do acontecido.
Com a teoria de Lewim, observa-se que o diálogo não é um dom inato, mas sim aprendido. E é através do psicólogo que isso seconcretiza, pois com essas conversas com os sujeitos, indiretamente estará influenciando o diálogo não existido entre eles.


Ato 1. Cena 4

Em sua entrevista com Sulinda, a mesma estava furiosa com Paulson, onde que por uma falsa mensagem que por ela foi filtrada, causando um sentimento de raiva. Pois então o psicólogo se colocou no lugar de Sulinda e disse que a compreendia o que estavasentindo.
Nesta cena, acontece o que Lewim denominou de filtragem, quando a mensagem não é comunicada senão uma parte do que os interlocutores sabem,


pensam ou sentem, ou seja a Sulinda só sabia que Paulson disse mentira sobre ela. Para Lewim “ ... os bloqueios e as filtragens perturbam as percepções de si
e dos outros, tornam falsas as atitudes e os comportamentos interpessoais “ ( Lewim, p. 80).


Ato 1. Cena 5

O psicólogo entrevistou o patrão, que não tinha mais informação para transmitir. O patrão esperava uma atitude do psicólogo perante a situação quando chegou a sala e se deparou com Sulinda e Paulson no clima resultante do ocorrido.
Na opinião do patrão, entre eles já existia uma antipatia mútua.
De acordo com o teórico citado anteriormente (Lewim, p.8)

No que serefere ao código, os bloqueios ou as filtragens podem ocorrer por causa das diferenças culturais. Os mal-entendidos surgem pelo fato dos interlocutores em presença suporem gratuitamente que utilizam o mesmo código, quando, de fato, em virtude de sistemas de valores ou de esquemas de referencia diferentes, os símbolos utilizados têm para eles conotações subjetivas ou coletivas distintas ou mesmocontrárias.


Ato 2 Cena 1

Retornando a entrevista do psicólogo com Sulinda, ela começou a reclamar de Paulson, dizendo que não era muito bom mecânico e que muitas vezes não sabia qual era o defeito da máquina.
Sulinda na entrevista relata que uma moça a procurou para lhe dizer que ele se recusará a consertar a máquina. Pois então Sulinda foi atrás de Paulson para contar o que a moça havialhe dito. Ele ficou zangado, pois não tinha dito nada desse gênero. Conseqüentemente Paulson foi falar com a moça e ela lhe disse que não teria dito algo e o convenceu que Sulinda estava mentindo. Quando Paulson e a costureira foram falar com Sulinda, ela correu até o patrão, contou-lhe toda a história e foi embora.
Perante esta cena, é observado que os sujeitos presentes do caso não têm nenhumainteração entre si. Contudo aqui está presente a conseqüência do
processo de filtragem, pois por uma mensagem falsa, não confirmada, criou-se toda uma discussão onde não saberemos se será resolvida até neste momento.





Ato 3. Cena 1

Na entrevista de Sulinda, a contramestra, o psicólogo estabeleceu uma conversa horizontal e tirou todos os filtros e bloqueios que Sulinda tinha em...
tracking img