Analise da musica "o quereres"

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1406 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O QUERERES
1ª estrofe
- Onde queres revólver, sou coqueiro.
Simboliza o dualismo entre a paz e a violência. A sombra de um coqueiro é culturalmente vista como o símbolo de tranquilidade e serenidade, enquanto o revólver é frequentemente utilizado para atos de violência.
- E onde queres dinheiro, sou paixão.
Nesse caso, o dinheiro simboliza o materialismo, remetendo ao lado profissional ecarreira. Já a paixão retrata o lado pessoal abstrato e os sentimentos individuais.
- Onde queres descanso, sou desejo / E onde sou só desejo, queres não.
Nesse caso o dualismo poderia ser entre a satisfação sexual e o desejo. Remetendo o caso de enquanto um dos parceiros se satisfaz, o eu lírico é aquele que não se sacia. Enquanto um corpo repousa, o outro fica em agitação.
- E onde queresnada, nada falta.
Simboliza os casos em que a pessoa se estabiliza em uma “zona de conforto”, onde cai no conformismo e deixa de desejar, se submetendo a viver em inércia.
- E onde voas bem alto, eu sou chão / E onde pisas o chão, minha alma salta / E ganha liberdade na amplidão
Tais versos remetem as expectativas que temos. Quando sonha alto e espera grandes ocasiões, o eu lírico diz que seria ochão, nesse caso, seria o freio ou até o “choque de realidade”. E, caso contrário, ele seria o que iria além dessas expectativas, viajando na infinitude de suas expectativas.
2ª estrofe
- Onde queres família, sou maluco
Família pela nossa cultura simboliza o comum, um grupo de mesma característica e mesmos costumes, sempre conectado com o lar. Nesse caso, o eu lírico expressa que seria odiferente e desapegado, sendo considerado estranho, e por isso, um maluco.
- Onde queres romântico, burguês
Romântico nesse caso seria o apegado a sentimentos e, em contrapartida, o burguês seria o materialista, desapegado a sentimentalismos e até mais pessimista.

- Onde queres Leblon, sou Pernambuco
Nesse caso, culturalmente o Leblon é visto como lugar de sociedade de classe alta, poisremete a metrópole, a grande cidade e sua badalação. Ao contrário de Pernambuco, culturalmente visto com um aspecto de popular, local de sossego e de todas as classes.
- E onde queres eunuco, garanhão
A antonímia nesse caso se refere ao contraste entre o homem “eunuco” (contextualizando com períodos já vividos, em que existiam homens que abdicavam do desejo carnal e se chegavam a se castrar) e ohomem popularmente conhecido como garanhão, que define o homem sedento do prazer carnal.
- Onde queres sim e o não, talvez
Nesse verso, é retratada a oposição entre a dúvida, incerto, com algo certo, confirmado.
- E onde vês, eu não vislumbro razão
Retrata que onde se vê, ele não consegue enxergar, remetendo ao conflito entre a sabedoria e a ignorância.
- Onde queres o lobo, eu sou o irmão
Olobo é culturalmente visto como um ser solitário e misterioso, podendo trazer perigo. Enquanto o irmão simboliza a fraternidade, a amizade e o carinho pelo próximo.
- E onde queres cowboy, eu sou chinês
Cowboy é culturalmente visto pelos americanos como um herói, por conta da história da marcha ao leste, onde os cowboys foram responsáveis pela expulsão dos índios de suas terras. Emcontrapartida, o chinês já é mais omisso, preferindo o anonimato em vez desse tipo de heroísmo.
Refrão
- Ah! Bruta flor do querer / Ah! Bruta flor, bruta flor
No refrão é comentando implicitamente que sonhar tem seu preço, que além do perfume das rosas, existem os espinhos. Pois quando o ser humano entra em choque com a realidade, lamenta-se pelas dificuldades que devem ser enfrentadas para obter asatisfação pessoal.
3ª estrofe
- Onde queres o ato, sou o espírito
Nesse verso existe o dualismo do que é concreto do abstrato, pois ato pode ser interpretado como fatos inegáveis e certos. Já o espírito simboliza o surreal, o abstrato.

- E onde queres ternura, sou tesão
Ternura está representando o carinho, a doçura, contrariando o que tesão representa, o desejo carnal, a imprudência e...
tracking img