Anabolizante

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 24 (5851 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
REVISÃO DA LITERATURA |
Alterações psiquiátricas associadas ao uso de anabolizantes*
Marco Aurélio Monteiro Peluso1, Sheila Seleri Marques Assunção2,
Luis Armando Serra Barreto de Araújo3, Laura Helena Guerra de Andrade4
 

RESUMO
Atletas interessados em melhorar o desempenho esportivo e não-atletas interessados em melhorar a força física e a aparência têm utilizado esteróidesanabólico-androgênicos (EAA) fora de suas indicações médicas. Além dos efeitos adversos em vários órgãos do corpo, estudos recentes têm demonstrado que o uso de EAA pode levar a síndromes psiquiátricas importantes, incluindo quadros maniformes, psicóticos e depressivos, principalmente quando em doses elevadas. Essa revisão procura abordar resumidamente esses achados e conclui que a associação de quadrospsiquiátricos com o uso de EAA, dada sua repetida observação, tem pouca chance de ser devida a um artefato. Sendo assim, alerta que não há como se garantir um uso seguro desses agentes e que é preciso estar atento para a possibilidade de que pacientes com os quadros descritos estejam sob seu efeito.
Unitermos: Esteróides anabolizantes; Transtornos psiquiátricos; Transtornos relacionados asubstâncias; Medicina esportiva; doping.
ABSTRACT
Psychiatric symptoms associated with anabolic steroids
Athletes seeking to enhance athletic performance and non-athletes seeking gains in strength and appearance have been using anabolic-androgenic steroids (AAS) out of their medical indications. This use is characterized by the combination of multiple AAS drugs in doses far beyond their therapeuticdoses. Besides their well documented adverse medical effects, recent studies have found evidences that AAS may lead to important psychiatric effects, including mania, psychosis and depression, mainly when in high doses. This review intends to resume these evidences and concludes that it would be difficult to explain as an artifact, given its repetitive observation, the association of psychiatricsyndromes with AAS use. Therefore it warns that it is not possible to guarantee a safe use of these agents and that attention is needed to the possibility that patients with these syndromes may be under AAS effects.
Keywords: Anabolic steroids; Psychiatric syndromes; Substance related disorders; Sports medicine; Doping.
 
 

 
INTRODUÇÃO
Os anabolizantes são uma família de drogas queincluem o hormônio masculino, testosterona, e uma série de drogas sintéticas análogas a ele (Haupt e Rovere, 1984). Utilizadas como forma de tratamento de algumas patologias, é seu uso não médico, entretanto, o que tem chamado mais a atenção. Procurados primeiro por atletas em busca de um melhor desempenho esportivo e, há alguns anos, também por não-atletas em busca de ganhos na força física ouaparência, essas drogas vêm recebendo atenção crescente não apenas por meios de comunicação ou entidades ligadas ao controle de drogas no esporte, mas também por pesquisadores na área de psiquiatria. Isto tem ocorrido porque, apesar dos seus efeitos adversos nas diversas áreas médicas estarem descritos e bem documentados, sua associação com quadros psiquiátricos ainda está em busca de documentaçãodefinitiva. Assim, esses pesquisadores, estimulados pelo aparecimento, na literatura, durante as décadas de 70 e 80, de relatos de caso de euforia, depressão e psicose em indivíduos em uso dessas drogas (Wilson et al., 1974; Annitto & Layman, 1980; Freinhar & Alvarez, 1985; Pope & Katz, 1987), lançaram-se ao estudo das alterações psiquiátricas possivelmente associadas. Este trabalho temcomo objetivo revisar e resumir os achados desses estudos.
Histórico
O fato de drogas androgênicas aumentarem a força, melhorando o desempenho esportivo, é conhecido desde a antiguidade. Filistrato e Galeano referem que os competidores olímpicos daquela época ingeriam testículos de touro para melhorar as suas marcas. As alterações de comportamento também são notadas desde então: no tratado...
tracking img