Análise exploratória de dados

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 816 (203762 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
1

CHARLES DARWIN

A Origem das Espécies
Aos Leitores
Decorridos quase dois séculos desde a primeira vez que esta obra foi publicada, ela continua sólida e robusta como uma montanha. E é isso que ela é: uma das montanhas mais altas que se ergueram na história da investigação científica do mundo em que vivemos, assim como é o seu próprio autor, o inglês Charles Darwin. Não se trata de umaobra surgida ao acaso, ao sabor da especulação filosófica, do pensamento mágico. Ela é o resultado de toda uma vida dedicada ao esforço humano de entender o funcionamento da Natureza com base nos fatos e evidências apresentados pela própria Natureza. Darwin reúne aqui o resultado do seu trabalho pessoal de muitas décadas, viajando incansavelmente pelos lugares mais recônditos do planeta em quevivemos, observando, medindo, testando, analisando e sintetizando coisas, até o momento em que se sentiu capacitado a concluir sua teoria de evolução das espécies. Apesar de solidamente ancorado em fatos e análises suas e de seus contemporâneos mais ilustres, desde a sua primeira edição esta obra tem sido vítima de desmoralização pública e difamação por parte daqueles que, de tão pequenos einsignificantes, se julgam acima das evidências dos fatos e evidências do mundo real. Gente cuja mente preguiçosa prefere ancorar-se em crenças vazias e despropositadas a respeito da Natureza, em vez de se dar ao trabalho de por em teste falsas verdades consideradas como intocáveis e definitivas.

********
Ano 2003
E-book baseado na tradução de Joaquim da Mesquita Paul, médico e professor.

publicadapor LELLO & IRMÃO – EDITORES. 144, Rua das Carmelitas -PORTO

2

DARWIN, Charles. A Origem das Espécies, no meio da seleção natural ou a luta pela existência na natureza, 1 vol., tradução do doutor Mesquita Paul.

Quanto ao mundo material, podemos pelo menos ir até à conclusão de que os fatos se não produzem em conseqüência da intervenção isolada do poder divino, manifestando-se em cada casoparticular, mas antes pela ação das leis gerais. WHEWELL, Bridgewater Treatises. O único sentido preciso da palavra «natural» é a qualidade de ser «estabelecido, fixo ou estável»; por isso tudo o que é natural exige e supõe qualquer fator inteligente para o tornar tal, Isto é, para o produzir continuamente ou em intervalos determinados, enquanto que tudo o que é sobrenatural ou miraculoso éproduzido uma só vez, e de um só golpe. BUTLER, Analogy of Revealed Religion. Para concluir, não deixeis crer ou sustentar, devido a uma idéia muito acentuada da fraqueza humana ou a uma moderação mal entendida, que o homem pode ir longe ou ser instruído com a palavra de Deus, ou com a do livro das obras de Deus, isto é, em religião ou em filosofia; mas que todo o homem se esforce por progredir cadavez mais numa e noutra, e tirando disto vantagem sem jamais Parar. BACON, Advancement of Learning.

3

SUMÁRIO Notícia Histórica .................................................................................................. 04 Introdução ........................................................................................................... 14 Capítulo I Variação das espécies no estadodoméstico ........................................... 19 Capítulo II Variação no estado selvagem .................................................................. 55 Capítulo III Luta pela sobrevivência ........................................................................... 75 Capítulo IV A seleção natural ou a perseverança do mais capaz .............................. 93 Capítulo V Leis davariação ...................................................................................... 149 Capítulo VI Dificuldades surgidas contra a hipótese de descendência com modificações ................................................................................... 184 Capítulo VII Contestações diversas feitas à teoria da seleção natural ...................... 228 Capítulo VIII Instinto...
tracking img