Análise de algumas crenças presentes no imaginário de alguns aprendizes de espanhol

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4411 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
ANÁLISE DE ALGUMAS CRENÇAS PRESENTES NO IMAGINÁRIO DE ALGUNS APRENDIZES DE ESPANHOL

Neuda Alves do Lago
Maria Aparecida de Assis Teles Santos (UFG ─ Campus Jataí)

RESUMO: A aprendizagem do espanhol por alunos falantes de português não é muito fácil, apesar das expectativas em contrário. Essa suposta facilidade, expressada principalmente por aprendizes de níveis elementares, e que pode serquestionada na medida em que os alunos apresentem uma aprendizagem afetada pela proximidade interlinguística entre o português e o espanhol, é o que abordamos nessa comunicação. O estudo em questão teve como objetivo geral analisar algumas crenças de alunos ingressantes do curso de Espanhol do Centro de Línguas da Universidade Federal de Goiás, Campus Jataí, sobre o processo deensino/aprendizagem desse idioma. Nessa pesquisa-ação, de caráter qualitativo-interpretativista, utilizamos como instrumentos formais de coleta de dados um questionário fechado e um aberto, uma entrevista, e a produção escrita de alguns textos pelos alunos. Os resultados apontam que os participantes parecem ter as seguintes crenças, dentre outras: a língua espanhola é mais fácil que as outras línguas; brasileirosnão precisam se esforçar muito na aprendizagem desse idioma; os brasileiros entendem tudo que é dito em espanhol; o tempo de aprendizagem desse idioma é muito pequeno. A relevância dessa pesquisa reside no fato de demonstrar o impacto do construto crenças sobre o ensino-aprendizagem de língua espanhola, visto que as expectativas e teorias pessoais dos alunos parecem afetar grandemente sua postura,atitudes e comportamento em sala de aula e nas atividades extra-classe a ela relacionadas. Apresentaremos sugestões importantes quanto a aspectos que o professor precisa trabalhar com maior ênfase a fim de facilitar a aprendizagem de seu aluno. Além disso, o estudo pode servir como auxílio na busca de meios didáticos adequados no que diz respeito ao material utilizado e ao tratamento dos erros dosalunos.

Introdução

Os parâmetros curriculares nacionais (PCNs), surgidos em 1997 e elaborados pelo MEC, visam, segundo DOURADO e OBERMARK (2006 p. 11), dar uma contribuição na correção de falhas em nosso sistema educacional, procurando aportar uma melhoria na qualidade de ensino. É neste contexto que, a partir do ensino fundamental II, existe a preocupação de que ao menos uma línguaestrangeira deva configurar no currículo escolar, permitindo ao aluno um maior acesso ao mundo por meio de múltiplas perspectivas e possibilitando ao mesmo acessar as fontes de pesquisa, bem como poder adentrar no mercado, facilitando assim sua inserção num mundo cada vez mais globalizado. De acordo com essa conjuntura é que, nos últimos anos, houve uma explosão no ensino de espanhol no Brasil, que sedeu com o surgimento de diferentes centros de idiomas, ofertando a língua, e também pelo fato de que escolas regulares, especialmente da rede particular, incluíram em seus currículos, na última década, o ensino do espanhol como disciplina obrigatória ou opcional (FERNÁNDEZ, 2000, p.27).
Além disso, atualmente a realidade do ensino de língua espanhola é bem diferente. Há um grande número de escolasda rede pública e privada que oferece o espanhol como língua estrangeira. A língua passou a ser valorizada, principalmente pelo fato de as relações comerciais do Brasil incluírem países que falam espanhol.
Em sete de julho de 2004, houve a aprovação do projeto de Lei nº 3.987/00 pela Câmara dos Deputados. O projeto versa sobre a obrigatoriedade do ensino do espanhol no ensino médio das escolaspúblicas e privadas do Brasil, conferindo o caráter facultativo da implantação às escolas do ensino fundamental, dando à língua uma maior importância no contexto educacional. Tal realidade faz com que tenhamos um panorama totalmente diferente do descrito até o momento.
Neste artigo, abordamos a relação que se pode estabelecer entre crenças e o processo de ensino-aprendizagem da língua...
tracking img