Alzheimer

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 21 (5241 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
PERSPECTIVA SOBRE A DOENÇA DE ALZHEIMER 

A doença de Alzheimer é a causa mais comum de demência nos idosos. Afeta as partes do cérebro que controlam o raciocínio, a memória e a linguagem.

A doença de Alzheimer depende quer de fatores genéticos quer de ambientais. Existem dois tipos de doença de Alzheimer: a DA familiar (DAF), que segue um determinado padrão de hereditariedade, e a DAesporádica, onde não se detecta qualquer padrão de hereditariedade óbvio. 
Ao nível molecular, a DA é assinalada por duas estruturas anormais no cérebro: as placas amilóides e os emaranhados neurofibrilares. As placas são depósitos densos e, em grande parte, insolúveis de proteínas e material celular no exterior e à volta dos neurônios cerebrais. Os emaranhados são fibras torcidas insolúveis que seacumulam no interior dos neurônios. 
A crescente compreensão dos vários fatores envolvidos no desenvolvimento da DA, incluindo os danos oxidativos e a inflamação, indicou novos caminhos, potencialmente frutíferos, para a prevenção e a investigação sobre o tratamento com fármacos. 
Os avanços recentes relativamente à genética da doença de Alzheimer possibilitaram a execução de testes de ADN paradiagnosticar e prever a DA, fato que levanta questões de ordem ética, jurídica e social. 
A resolução da UE de 11/03/98 sobre a doença de Alzheimer fornece uma perspectiva da situação atual das políticas comunitárias. 

1 - INTRODUÇÃO 

As últimas décadas testemunharam um aumento das doenças neurodegenerativas, provavelmente como resultado do envelhecimento da sociedade. A UE pode contar comquase meio milhão de doentes com demência todos os anos. 

Dada a atual tendência para viver durante mais tempo, deveríamos ter a possibilidade de envelhecer com dignidade. 
Existem várias áreas onde podemos trabalhar para combater as doenças neurodegenerativas. Por um lado, deveríamos empreender um esforço científico no sentido de tentar elucidar as suas causas, por forma a podermos evitá-las etratá-las. Por outro lado, temos de salientar o excelente trabalho que está a ser executado por associações que prestam um grande apoio àqueles que sofrem deste tipo de doenças, bem como às respectivas famílias. Sem estas associações, 
seria muito difícil enfrentar esta situação. Por fim, mas não menos importante, deverá existir uma política européia em matéria de saúde que trate deste problema,coordenando e dando apoio financeiro às associações e aos investigadores. 
As doenças neurodegenerativas partilham vários mecanismos patogênicos, sendo, por vezes, difícil diferenciá-las. A investigação de uma doença poderá ajudar a compreender as outras. Neste documento, concentrar-me-ei na mais comum destas doenças: a doença de Alzheimer. 

2 - A DOENÇA DE ALZHEIMER 

Em 1906, o médico alemãoAlois Alzheimer identificou, pela primeira vez, ao examinar o cérebro de uma mulher que havia morrido em consequência de uma doença neurológica rara, os aglutinados anormais e os feixes emaranhados de fibras que se consideram presentemente determinantes da doença de Alzheimer. 
Desde então, a incidência da doença tem aumentado, fazendo com que a doença de Alzheimer seja a quarta principal causade morte em adultos. A incidência da doença aumenta vertiginosamente com a idade, sendo a doença duas vezes mais comum nas mulheres do que nos homens. Embora o risco de desenvolver doença de 
Alzheimer (DA) aumente com a idade, a DA e os sintomas de demência não fazem parte do envelhecimento normal; o cérebro humano pode muitas vezes funcionar bem na décima década de vida. 
Como todos sabemos,as vítimas da doença de Alzheimer sofrem de uma progressiva incapacidade de se lembrarem de fatos e acontecimentos e até mesmo de reconhecerem os próprios familiares. 
A doença de Alzheimer é uma doença complexa que é provavelmente causada por várias influências. Os cientistas identificaram diversos fatores genéticos e ambientais que podem aumentar a probabilidade de se vir a desenvolver a...
tracking img