Alunos cegos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 91 (22660 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de março de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Alunos cegos e com baixa visão
Orientações curriculares

Alunos cegos e com baixa visão
Orientações curriculares

1

Alunos cegos e com baixa visão
Orientações curriculares

Ficha Técnica
EDITOR Direcção-Geral de Inovação e de Desenvolvimento Curricular Direcção de Serviços da Educação Especial e do Apoio Sócio-Educativo TÍTULO Alunos cegos e com baixa visão – Orientaçõescurriculares DIRECTOR-GERAL Luís Capucha COORDENAÇÃO Filomena Pereira AUTORES Alberto Mendonça Cristina Miguel Graça Neves Manuela Micaelo Vítor Reino SUPERVISÃO CIENTÍFICA Leonor Moniz Pereira DESIGN Manuela Lourenço DESENHO DA CAPA Título da capa – A voz dos jovens Arantza Guedes (15 anos), Rafael Castro (16 anos) Carlos Vicente (16 anos) e Fábio Vidal (17 anos), da CERCICA PAGINAÇÃO Olinda Sousa 20082

Alunos cegos e com baixa visão
Orientações curriculares

Índice
Nota de abertura ..................................................................................... 5 Introdução............................................................................................... 7 I Educação de alunos cegos e com baixa visão ..................................... 11 1. Alunos cegos e com baixavisão ...................................................... 11 2. Pressupostos básicos e orientações gerais a considerar na educação de alunos cegos e com baixa visão .................................... 16 II Áreas curriculares específicas .......................................................... 21 1. Treino de visão ............................................................................21 2. Braille......................................................................................... 31 3. Tecnologias específicas de informação e comunicação........................ 41 4. Orientação e mobilidade ................................................................ 67 5. Actividades da vida diária .............................................................. 79

3

Alunoscegos e com baixa visão
Orientações curriculares

4

Alunos cegos e com baixa visão
Orientações curriculares

Nota de abertura
A presença de alterações nas estruturas ou funções da visão coloca limitações à realização de actividades que envolvem este sentido. Todavia, o funcionamento visual não depende apenas das condições do respectivo sistema, decorrendo também de um processo interactivocom factores contextuais, passíveis de serem manipulados com vista a minimizar barreiras à actividade e à participação. No caso dos alunos com baixa visão ou com cegueira, muitas das barreiras com que se confrontam no contexto escolar podem ser minoradas, ou mesmo ultrapassadas no processo de ensino/aprendizagem. Sensibilizar educadores e encarregados de educação para a importância de se proceder aavaliações especializadas no âmbito das consultas de subvisão e criar centros de recursos especializados na área da deficiência visual que funcionem como suporte e orientação aos docentes que exercem funções junto desta faixa da população escolar, constituem exemplos de medidas que o Ministério da Educação está a desenvolver, no sentido de promover a participação dos alunos com alterações nasestruturas ou funções da visão no sistema de ensino e a aquisição de competências que lhes permitam autonomia e sucesso na escola e na vida. A presente publicação sobre Orientações Curriculares para Alunos Cegos e com Baixa Visão focaliza o currículo e a necessidade da sua expansão em algumas áreas básicas para a autonomia e integração social dos alunos, tais como as actividades da vida diária e aorientação e mobilidade. Visa, ainda, a aquisição de competências fundamentais para o seu sucesso educativo relacionadas com o domínio da leitura e da escrita, focando aspectos fundamentais do treino de visão, do braille e das tecnologias de informação, sem descurar as estratégias a que o professor deve recorrer para melhorar os níveis de actividade e de participação do aluno nos diferentes...
tracking img