Alienação karl marx

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 5 (1136 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 27 de fevereiro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Alienação

Resumo
Aborda-se o conceito de capitalismo, exploração do trabalhador, mais-valia, taxa de exploração e alienação, sendo este último o tema de trabalho e por isso o mais explorado. Marx, em suma, diz-nos em a alienação é a perda do homem de si mesmo.
É ainda feito uma pequena comparação com o filme de Charles Chaplin, “Tempos Modernos”.
Introdução
Este trabalho trata o conceitode alienação como tema principal, falando de outros conceitos essenciais para seu melhor entendimento.
Em resumo, podemos fazer um pequeno apontamento sobre as reflexões marxistas:
Capitalismo e apropriação dos meios de produção – desigualdade social;
Classe dominante – capitalistas;
Classe dominada – proletariado
Capitalismo depende da exploração do trabalhador;
Mais-valia como todo otrabalho que o trabalhador faz a mais do que o necessário para o pagamento do seu salário, logo é a fonte de lucro;
A alienação no trabalho é gerada na sociedade devido à mercadoria, que são os produtos produzidos pelos trabalhadores explorados e o lucro, que vem a usurpação do trabalhador para que mais mercadorias sejam produzidas e vendidas acima do preço investido no trabalhador,assim rompendo o Homem de si mesmo (Marx, O Capital).
No filme “Tempos Modernos” é visível a exploração a que o vagabundo (Chaplin) é sujeito, tanto em ritmo e tempo exigido para a produção de objectos, como no efeito psicológico a que é sujeito.

Desenvolvimento
O capitalismo é um sistema económico em que os meios de produção e consequente distribuição são de propriedadeprivada com o objectivo de gerar lucro. Este é conseguido através do investimento/adiantamento de capital para a compra de mercadorias e sua posterior transformação noutras mercadorias que, por sua vez, podem alcançar um preço superior, logo lucro. As decisões sobre oferta, procura, preço, distribuição e investimento são feitas exclusivamente pelos proprietários das empresas, sendo o lucrodistribuídos para estes.
O termo capitalismo foi criado e utilizado por nomes como Karl Marx, Proudhon e Sombart, no final do séc. XIX e início do séc. XX (Wikipedia contributors, 2006. “Capitalismo”).
Para o intelectual e revolucionário Karl Marx, sobre quem me debruço, a forma de chegar ao lucro através deste “sistema económico e social”, expressão utilizada por Marx para definircapitalismo, depende unicamente da exploração do trabalhador. Marx fala ainda de mais valia, ou seja, a quantidade de valor produzido pelo operário para além do tempo de trabalho necessário para produzir um valor igual ao que recebe sob a forma de salário. A taxa de exploração é assim a relação entre a mais-valia e o capital variável. Por outras palavras é o capital que corresponde ao pagamento dosalário.
Os operários que vendem a força de trabalho são expropriados de mais-valia, sendo os empresários capitalistas aqueles que compram a força de trabalho e que se apropriam desta.
Desta forma, o trabalhador torna-se mais pobre quanto mais riqueza produz, quanto mais a sua produção aumenta em poder e extensão. Verifica-se então uma valorização do mundo das coisas em proporçãodirecta com a desvalorização do mundo dos Homens (Marx, Trabalho Alienado). O trabalhador torna-se uma mercadoria na mesma proporção que produz bens. O bem produzido/objecto/produto é assim um ser estanho ao produtor com poder independente. Este produto final é fruto do trabalho que o produtor fixou no objecto (objectivação do trabalho). Surge assim o conceito de alienação no trabalho que semanifesta a partir do momento em que o objecto produzido se torna alheio ao produtor, ou seja, ao criar algo fora de si, o trabalhador nega-se ao objecto criado.
“A apropriação do objecto manifesta-se a tal ponto como alienação que quanto mais objectos o trabalhador produzir tanto menos ele pode possuir e mais se submete ao domínio do seu produto, do capital” (Marx,” O Trabalho Alienado”, p.159)....
tracking img