Algoritimos 666

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (303 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Ontem Edu Falaschi anunciou sua saída da banda Angra.
Obviamente, eu sinto um turbilhão de emoções e pensamentos neste momento e temo ser mal interpretado com minhas palavras.
Aprimeira coisa que me vem a cabeça são as plêiades da nossa galáxia, a estrela Alcione, Planeta Nibiru, anjos e demônios e todas as coisas que, na minha opinião, dão sentido àexistência do Angra . Mas tentarei ser mais racional.
O Edu sacrificou sua posição de maneira digna e respeitosa para que a banda pudesse sair da estagnação que se encontrava.
Foi uma grandeperda para o grupo, porém inevitável.
Ele é um cara que eu admiro e respeito muito pelo brilho e talento excepcionais e que merece o melhor para sua vida e carreira. Certamente éinsubstituível em vários aspectos a começar pelas excelentes composições e carisma.
Me sinto honrado por ter tido a oportunidade de trabalhar com este músico de altíssimo nível epessoa fascinante por todos estes anos, aprendendo e compartilhando.
Porém, chegamos num impasse aonde uma grande transformação fez-se necessária. Alguém haveria de sair para quepudéssemos nos renovar e, quem sabe, percorrer mais duas décadas de trabalhos.
Ele saiu, mas não morreu. Está passando por uma série de transformações pessoais com a força e coragem que oajudarão a voltar a posição de destaque na cena Heavy-metal internacional em breve.
No momento não temos planos de turnês ou álbuns e ainda é muito cedo para falarmos de um novovocalista.
O fato é que agora refletiremos sobre as várias possibilidades de caminhos a serem seguidos e, na sua devida hora, rumaremos ao que nos parecer melhor.
A civilização está setransformando de maneira muito acelerada e temos que pensar cada vez mais de maneira coletiva.
Tenho certeza de que todos teremos a vitória que merecemos.
Rafael Bittencourt
tracking img