Alfabetização e letramento na educação de jovens e adultos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 28 (6760 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
3
Revista Filosofia Capital ISSN 1982-6613

Vol. 3, Edição 7, Ano 2008.

A IMPORTÂNCIA DO LETRAMENTO NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS

Suely Santana Chaves aryana8@yahoo.com.br

Brasília-DF 2008

4
Revista Filosofia Capital ISSN 1982-6613

Vol. 3, Edição 7, Ano 2008.

A IMPORTÂNCIA DO LETRAMENTO NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS1 Suely Santana Chaves2 aryana8@yahoo.com.br RESUMOEsta pesquisa intenciona esclarecer o problema do letramento na Educação de Jovens e Adultos. Será apresentado o letramento como um fenômeno de cunho social, e que salienta as características sócio-históricas ao se adquirir o sistema de escrita por um grupo social. Será tratado o problema da alfabetização e do letramento. E os fatores pertinentes ao processo de inclusão social e o processo deaprendizagem, por meio das mudanças decorrentes do letramento. A importância desta pesquisa é demonstrar que as práticas do letramento desvinculadas da realidade não atendem a real necessidade do aluno que precisa interferir na sua realidade social. Palavras-chave: EJA – Letramento – Alfabetização – Realidade – Aluno.

O letramento e seu desenvolvimento no Brasil O termo letramento foi introduzidono Brasil na década de 80. A primeira aparição foi no livro de Mary Kato, de 1986. “No mundo da escrita: uma perspectiva psicolingüística”. A autora não conceitua a palavra letramento, mas a utilizou várias vezes em seu texto. Logo na introdução ela relata o seguinte:
Acredito ainda que a chamada norma-padrão, ou língua falada culta é conseqüência do letramento, motivo por que, indiretamente, éfunção da escola desenvolver no aluno o domínio da linguagem falada institucionalmente aceita. (KATO, 1986, p. 07).

Dois anos depois, o termo letramento surge em outra obra, “Adultos não alfabetizados: o avesso do avesso”, de Leda Verdiani Tfouni. No primeiro capítulo, a autora distingue alfabetização de letramento. Dedica páginas à definição de letramento. Posteriormente o termo é
1

Partedo Trabalho de Conclusão de Curso de Pós-gr aduação Lato Sensu em Lín gua Portu guesa com ênfase em Produção Textual - Faculdade Albert Einstein em jan/2008. 2 Suely Santana Chaves Graduada em Letras e Especialista em Lín gua Portuguesa com Ênfase em Produçã o Textual.

5
Revista Filosofia Capital ISSN 1982-6613

Vol. 3, Edição 7, Ano 2008.

utilizado por especialista da área de educaçãoe das ciências lingüísticas. A palavra Letramento originou-se do termo em inglês Literacy3, que na bibliografia em língua inglesa é vista como aprendizado de habilidades específicas, ou seja, a aquisição da leitura e da escrita. No Brasil, letramento constitui-se em habilidades de leitura e de escrita necessárias para a participação efetiva do indivíduo nas práticas sociais, assumindo umaperspectiva diferente à de literacy, pois a aquisição das habilidades de ler e escrever estão no campo da alfabetização. Tfouni relata alguns problemas com a associação direta com a palavra em inglês.
Aí está, creio eu, uma das origens mal-entendida entre os que trabalham na área, e que acabam usando indiferenciadamente letramento com equivalente vernáculo de qualquer das acepções englobadas pelovocábulo inglês (TFOUNI, 1995, p.31).

Na mesma obra, a autora esclarece as várias acepções da palavra literacy e prova que não importa a perspectiva: a ênfase é sempre colocada nas “práticas”, “habilidades”, “conhecimento”, voltados para a codificação/decodificação de textos escritos, que é, no Brasil, de competência da alfabetização. Para ela, existe uma superposição entre letramento ealfabetização causada pela transposição direta do termo literacy para o letramento. Tfouni afirma ainda que a alfabetização, por muitas vezes, está sendo mal entendida:
Há duas formas segundo as quais comumente se entende a alfabetização: ou como um processo de aquisição individual de habilidades requeridas para a leitura e escrita, ou como u processo de representação de objetivos diversos, de naturezas...
tracking img